08 de Agosto de 2020,

Cultura

A | A

Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 10h:26 | Atualizado:

Jef Rosa apresentará ‘Músicas Autorais Identidade’

O produtor, cantor e ator Jef Rosa estará neste sábado, dia 11 de junho, ás 13 horas, no Programa É Bem Mato Grosso, da TV Centro América. Por conta do isolamento social, neste momento, a sua participação foi gravada em casa, com o grupo musical Camerata. As canções fazem parte do seu projeto ‘Música Autoral  Identidade’.

A participação no programa vai ocorrer de forma interativa, quando o apresentador Pescuma, estará dialogando com Jef em vários momentos. ”Esta participação representa para mim uma oportunidade que traz um diferencial de um artista contemporâneo “mostrando um pouco da minha identidade e daquilo que entendo com a arte, neste momento que a gente precisa valorizar os verdadeiros protagonistas da história da nossa cidade”, disse ele.

Jef Rosa brindará o público com um repertório especial incluindo rasqueado, sertanejo e uma lambadinha. A música ‘Utopia’ que remete a vontade de realizar os sonhos, a música ‘Rio Ancestral’, fala da ancestralidade e do protagonismo de pessoas da comunidade de São Gonçalo Beira Rio. A música ‘Identidade’ ressalta e transforma, faz com que o cuiabano tenha orgulho de ser cuiabano. A canção ‘Tiinha’, é uma homenagem a uma mulher simples e amorosa da comunidade.

Ele inova no cenário da música popular regional, mantendo o respeito à toda cultura genuína matogrossense, trazendo à tona o pensamento da formação da sociedade local e suas origens, aos  tempos contemporâneos por meio de suas canções.

O projeto ‘Músicas Autorais – Identidade’, teve início no ano passado e prossegue com novas composições de sua autoria. As diversas composições já foram registradas junto a Ordem dos Músicos do Brasil, além disso, as canções gravadas já estão disponibilizadas nas plataformas e redes sociais.

Rasqueado cuiabano ‘Rio Ancestral’ aborda a ancestralidade recente de pessoas da tradicional comunidade de São Gonçalo Beira Rio. São pessoas que fizeram uma história dentro da comunidade, alguns já morreram. Jef cita os personagens: o tio Candí, Vó Joana, rainha do Tauá, Dona Maricota, vô Ivo, Dona Adair, tia Silvia, vô Bugre e Seo Clínio. Jef  traz á tona os traços do protagonismo genuíno de grandes mestres da cultura popular cuiabana que passaram em suas vidas por este rincão de folclore, tradição, força e fé na beira do rio.

Utopia  É a música sertaneja que fala sobre o sonho de um menino ribeirinho, que sonha em viver uma vida, onde as pessoas façam bem para as outras. E quando ele se torna adulto, percebe que era uma realidade, que os seus sonhos eram possíveis e que se passavam no  âmbito, que estavam  ao seu lado. Ele sonhava com super heróis e percebe que o pescador na canoa, era o seu super herói. A música remete a vontade de realizar os sonhos.

Tiinha A canção que é uma lambadinha, feita em homenagem a Iranil Pedrosa da Silva, a popular Tiinha, uma personagem peculiar da comunidade de São Gonçalo Beira Rio. Ele fala da receptividade, do amor, de como ela trata as pessoas que recebe. Fala do acolhimento, do amor maternal. Tiinha é uma pessoa agregadora e construtora de um universo de amor, respeito e fé. É uma pessoa amada por muitos pela sua humildade, empatia com seus parentes, amigos e visitantes da comunidade.

 



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS