Curiosidades Quarta-Feira, 10 de Julho de 2024, 06h:00 | Atualizado:

Quarta-Feira, 10 de Julho de 2024, 06h:00 | Atualizado:

EX-GLOBO

Jornalista demitida após comentário revela reação da família

Famosa pelo bom humor, Cecília Flesch ganhou emprego na internet

TERRA

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

jornalista-demitida

 

Recentemente, Cecília Flesch relatou as consequências da demissão da GloboNews ocorrida em junho de 2023. “Eu comuniquei a (minha filha) Duda, imediatamente. ‘Mamãe não trabalha mais na Globo’. Ela levantou os dois bracinhos e comemorou.” 

A reação surpreendeu. “E o que que você vai fazer agora? Youtuber?”, perguntou a menina. Dito e feito. Após 17 anos no canal de notícias, onde comandava o matinal ‘Em Ponto’, a apresentadora foi contratada para ancorar os programas ‘Rivo.News’ e ‘RivoTalks’ no on-line.

Os títulos, aliás, têm a ver com seu desligamento abrupto da TV. Ela foi punida por criticar a emissora em um podcast. “Tá um saco. Só tem política e economia, economia e política.” 

Na sequência, contou que o canal havia sido apelidado pelos próprios funcionários de "RivoNews", alusão ao Rivotril, medicamento tarja preta prescrito contra ansiedade. O deboche da jornalista não foi bem recebido por seus chefes. 

Investidores aproveitaram a publicidade espontânea em torno da demissão para contratá-la e criar o marketing de um novo canal de informações. 

No dia em que comentou a felicidade da filha em vê-la fora do turno da madrugada na GloboNews, Cecília Flesch e seu colega Gabriel Wainer recebiam no estúdio a também jornalista Izabella Camargo. 

A convidada apresentava o boletim meteorológico em telejornais da Globo até ter uma crise de Burnout (distúrbio de esgotamento emocional) e se afastar do vídeo. Acabou demitida, conseguiu readmissão na Justiça, mas preferiu deixar a emissora por não se sentir acolhida. 

Agora dedicada a produzir conteúdo sobre qualidade de vida, Izabella quis saber como a família de Cecília Flesch assimilou a notícia da demissão e sua transição da TV para o digital. “(Foi) muito difícil, ainda é. Apoiam, mas para eles é muito mais difícil por não entenderem (o trabalho na internet).”

 

 

 

 





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet