09 de Agosto de 2020,

Curiosidades

A | A

Sábado, 01 de Agosto de 2020, 17h:00 | Atualizado:

MEDO DE INVASÃO

Trump anuncia que irá proibir TikTok nos EUA

TRUMP.jpg

 

O presidente americano, Donald Trump, anunciou na sexta-feira (31) que irá proibir a rede social TikTok nos Estados Unidos, após as autoridades americanas mostrarem preocupação com a possibilidade da plataforma ser usada como ferramenta da inteligência chinesa.

Trump disse a repórteres que viajavam com ele no avião presidencial Air Force One que vai anunciar medidas neste sábado (1º) contra o popular aplicativo de compartilhamento de vídeos.

“No que diz respeito ao TikTok, estamos banindo-os dos Estados Unidos”, disse.

O presidente norte-americano não antecipou as medidas, mas disse que poderia usar “poderes econômicos de emergência” ou “uma ordem executiva” para banir o TikTok nos EUA.

“Bem, eu tenho essa autoridade. Eu posso fazer isso com uma ordem executiva ou ...”, disse ele, referindo-se a poderes econômicos emergenciais.

Leia também: Por que o governo Trump estuda banir o TikTok dos EUA

TikTok, um aplicativo de vídeos muito popular entre os jovens e que pertence à ByteDance, uma empresa com sede na China, tem cerca de um bilhão de usuários no mundo.

O The Wall Street Journal e a agência de notícia Bloomberg informaram mais cedo que Trump determinou a venda das operações americanas do TikTok, ao estimar que o serviço poderia ser usado pela inteligência chinesa.

Outros relatórios, incluindo um da Fox News, afirmaram que a Microsoft estava negociando para adquirir a rede social, cujo valor poderia alcançar dezenas de bilhões de dólares.

Funcionários e legisladores americanos expressaram nas últimas semanas preocupação com a possibilidade de o TikTok ser usado pela China como ferramenta de espionagem. A empresa responsável pela rede social nega qualquer vínculo com o governo de Pequim.



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS