15 de Julho de 2020,

Economia

A | A

Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 19h:43 | Atualizado:

EXPECTATIVA NA ECONOMIA

Cuiabá deve anunciar reabertura de shoppings, bares e restaurantes

Emanuel Pinheiro vai realizar uma live nas redes sociais na próxima quinta novas medidas de combate ao coronavírus

shopping-fechado.jpg

 

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), anuncia na próxima quinta-feira (28) novas medidas de enfrentamento a Covid-19. Na prática, o gestor deve flexibilizar algumas medidas de isolamento social, principalmente no que tange a retomada das atividades econômicas.

A grande expectativa é para a reabertura de shoppings, bares, restaurantes, academias e realização de eventos. Segundo informações, o prefeito deve liberar essas atividades com algumas restrições.

Por exemplo, os shoppings deverão ter horários reduzidos e controle na entrada, além de exigir o uso de máscaras por parte de funcionários e consumidores. Já os eventos, o prefeito deve liberar eventos em locais abertos, com limitação de pessoas e disponibilização de itens de higiene.

A flexibilização das medidas de isolamento ocorre quando o prefeito de Cuiabá sofre com manifestação de grupos de empresários que pedem a reabertura das atividades. Na última semana, representantes dos segmentos do turismo, bares, restaurantes e academias saíram às ruas para pressionar o prefeito.

A Abrasce (Associação Brasileira de Shopping Centers) impetrou um mandado de segurança coletivo na Terceira Vara de Fazenda Pública de Cuiabá nesta quarta-feira (20) para pedir que o TJMT (Tribunal de Justiça de Mato Grosso) obrigue a Prefeitura de Cuiabá a reabrir todos os shoppings centers do município.

Os lojistas afirmam na ação que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) — que vem afirmando à imprensa a provável reabertura já na semana que vem — ataca a  liberdade de iniciativa e concorrência econômica por meio do Decreto 7.886, que impede a abertura aos empresários de shoppings, mas permite que o comércio de rua funcione “normalmente”, pois não haveria critérios técnicos a sustentar o tratamento “injusto”. 

“Perceba-se que o funcionamento do setor de serviços e do comércio em loja de rua foi permitido, enquanto, equivocadamente, as mesmas atividades em shopping centers permanecem proibidas, sem qualquer fundamento técnico ou científico, apenas por se tratarem de lojas situadas dentro de tais empreendimentos, em franca violação aos princípios constitucionais acima mencionados”, escreveram os advogados José Ricardo Pereira Lira, Sérgio Vieira Miranda da Silva, Joana Maciel Ribeiro e Marcos Rolim da Silva, do escritório paulista responsável pela demanda judicial.

 

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Lampiao | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 15h41
    1
    3

    Tem que deixar tudo fechado... Se abrir tudo sabe quem que sera mais prejudicado,as pessoas de grupo de risco que estao a quase 90 dias trancados em casa se cuidando.. Aí libera os butecos.. o adolescente vai pro buteco e volta pra casa infectar a familia. Prefeito nao faca isso.

  • Henrique Dias | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 15h21
    2
    1

    Comerciante responsável, coloca o nome da sua empresa pra você ter o apoio de quem pensa como você. As outras empresas estão quebradas, que bom que você pode ter esse privilégio de ficar em casa e não demitir funcionários. Total apoio a você e que seus empregados mantenham seus empregos. No mais quem quiser ficar em casa que fique, quem quiser sair que saia. Ainda somos uma democracia e não queremos ser comunistas.

  • comerciante responsável | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 14h02
    3
    6

    não adianta, a única forma de conter o avanço do virus é ficar em casa, é o isolamento social. está só começando a crescer a curva de contágio, o pico ainda está longe. o meu comércio só vou abrir quando começar a cair os casos de contágio, não vou me expor, nenhum funcionário e nenhum cliente a esta contaminação fatal desse virus.

  • Vergonhosa | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 08h47
    10
    2

    Infelizmente a justiça ao fazer uma salada de frutas em deixar nas mãos de PREFEITOS e GOVERNADORES o isolamento ,;ESTABELECEU A BARBÁRIE E A MEDIOCRIDADE;ONDE PESSOAS FORAM ALGEMADAS E SEM REGRA E ORGANIZAÇÃO ,O COMÉRCIO FOI DESTRUINDO!!!! ESTÚPIDOS E CANALHAS .

  • Heitor | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 08h30
    13
    0

    Vai voltar BAR e FESTA mas não ESCOLA? Entendi....

  • Costa | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 08h26
    11
    13

    Com a reabertura dos restaurantes, bares , eventos e shopins, temos que preparar para o píior que vai vir..

  • Lis | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 07h37
    16
    7

    Para os que tem medo ou receio, seja lá o que for, façam o simples e o que pregam: FIQUEM EM CASA e não atrapalhem quem tem e quer trabalhar..... E não perturbem.....

  • Roberto | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 03h41
    18
    3

    Não moro no Brasil. Portanto, minha opinião é apenas informativa. As pessoas sabem como evitar o virus. Estão mais do que informadas das medidas que devem tomar. O comércio está aberto com medidas restritivas, tais como uso de máscara, limitação de número de pessoas, alcool gel à porta de entrada. São cuidados básicos. Resolve-se o problema dos empresários ao mesmo tempo em que preserva a vida das pessoas. E o Estado não quebra.

  • Alex | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 00h47
    19
    2

    Galera, é simples, quem não quiser sair de casa não vai ser obrigado, é só ficar em casa fica pq essa medida não vai mudar nada em sua vida. Já quem quiser trabalhar e se divertir, é uma escolha dela, cada um que assuma as consequências das suas escolhas.

  • Jéssica Trans Corintiana | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 22h43
    12
    7

    Aí que tudooooo. Assim já vou poder marcar meus encontros do tinder. Bjokas

  • Indignação | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 22h35
    11
    13

    Com quase 2000 casos e sabe la quanto sob notificados....vai reabrir bar , restaurante e shopping??? Quem cai se responsabilizar pela mortandade?????? Mauro Mendes, Emanuel e os comerciantes???

  • Consciente | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 22h32
    20
    4

    Cabe quem tem amor a vida e a familia se cuidar, porque quem precisar do SUS sabe que lá é o inferno em.vida!! Não será o Estado nem o município decidir quem vai para a morte!! Podem escancarar as portas de tudo....Eu e minha familia não.iremos!!

  • Evangelico | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 22h09
    10
    21

    Tem que deixar os shoppings fechados....principalmente o GOIABEIRAS....QUE JA ESTA FALIDO MESMO..

  • Morador | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 21h21
    6
    11

    Perguntas Brasil faz tudo errado? mais mortes vão acontecer ? dinheiro não é mais importante que vidas? Morto não ajuda na economia? Academia, bar, nao é serviço essencial? Isso vai aumentar os casos??? Nao existe economia com toda população doente?

  • Cidadão Matogrossense | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 21h03
    9
    12

    Quem está vendo crescer o número de casos vai liberar? Não perceberam ainda que nesse ritmo vamos para um lockdown? E o que dizer de forçar funcionários que poderiam estar em home office sendo obrigados a voltar fisicamente?

  • Heitor | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 20h17
    16
    1

    Vai voltar BAR e FESTA mas não ESCOLA? Entendi....

  • ane regina | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 20h09
    8
    12

    se o próprio secretario de saúde do estado admite que nem começamos o pico da pandemia aqui em mato grosso, se neste momento já existem quase 2 mil contaminados confirmados no estado, podendo ser 7 vezes maior esse número conforme instituições de pesquisa, se já existem mais de 100 pessoas hospitalizadas no estado conforme dados oficiais e sabendo que o crescimento é exponencial em dois ou tres dias, se em alguns estados discutem a ampliação do isolamento e implantação do lockdown então é uma temeridade querer abrir o comércio no estado, ainda mais locais que não tem como evitar a aproximação como shopings, bares e restaurantes. duvido que o prefeito vai tomar tal atitude e depois ser responsabilizado pelo aumento de vitimas fatais pelo covid. quem sabe daqui uns 90 dias, quando quem sabe o pico de contaminação passar.

  • Analista Político | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 20h06
    14
    1

    Quero saber se o Prefeito comprou algum respirador? Quero saber quantos milhões a União mandou apenas para Cuiabá? O que foi feito com o dinheiro, lamentável.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS