Esporte Segunda-Feira, 24 de Março de 2014, 07h:31 | Atualizado:

Segunda-Feira, 24 de Março de 2014, 07h:31 | Atualizado:

Notícia

Jayme pede foco no Carioca: "não é hora de Libertadores"

 

Terra

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

Depois de ver o Flamengo levantar a Taça Guanabara ao final da vitória por 5 a 3 sobre a Cabofriense, o treinador Jayme de Almeida deixou o Maracançã com um desejo maior: faturar o título do Campeonato Carioca. 

O Flamengo enfrentará o mesmo adversário na semifinal, mas Jayme de Almeida espera um adversário com outra postura em campo. Por isso, ainda que tenha visto os reservas conquistarem uma vitória tranquila, afirmou que entrará em campo com o grupo principal. 

Atacante comemorou o gol fazendo homenagem ao time masculino de basquete do Flamengo, que no sábado foi campeão da Liga das Américas. Foto: Mauro Pimentel / Terra

O técnico Jayme de Almeida deu uam oportunidade para os reservas do Flamengo - apenas o goleiro Felipe foi titular. Foto: Mauro Pimentel / Terra

“Na quarta com certeza encontraremos um adversário diferente. A partir de agora as partidas valem muito. A Cabofriense vai entrar forte e precisamos estar fortes também. O resultado hoje foi excelente. Esperávamos um resultado positivo, mas foi acima da média”, disse o treinador, que aproveitou para fazer uma análise dos seus comandados.

“Paulinho e Luiz Antonio foram bem, estão voltando ao time. O Flamengo fez um bom jogo. Com todo respeito à Cabofriense, bobeamos no segundo e no terceiro gol também. Mas no geral o time se comportou bem. Queria terminar bem essa primeira etapa, acreditamos no grupo de jogadores e com todo mundo participando, com seriedade quando jogava, tivemos uma conquista bonita. Os jogadores foram brilhantes. Agora, zera tudo e vamos ter muitas dificuldades nesses dois jogos

Jayme deixou claro que não poupará os jogadores do time principal a partir de agora. O treinador espera contar com todo o elenco daqui para a frente - menos como os que estão entregues ao departamento médico, como Elano.

“Agora temos o Carioca, quarta e domingo pelas semifinais. Não é hora de pensar em Libertadores. Isso será só mais para a frente. Precisamos entrar forte para vencer e chegar a vitória”, completou o treinador.

O Flamengo volta a campo na próxima quarta-feira, às 22h (Brasília), quando enfrenta o mesmo time desta tarde, a Cabofriense, pelo jogo de ida da semifinal do Campeonato Carioca, no Maracanã. O clube rubro-negro tem a vantagem de jogar por dois empates. Já na Libertadores, o próximo confronto é no dia 2 de abril, contra o Emelec-EQU, em Guayaquil.





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet