04 de Agosto de 2020,

Opinião

A | A

Terça-Feira, 07 de Julho de 2020, 12h:06 | Atualizado:

Camila Delgado

Higiene do sono

camiladelgado.jpg

 

Melhorar a rotina de sono requer cuidados básico, porém contínuos. Dormir bem reflete na forma como alimentamos nosso cérebro de boas memórias.  Isso porque é no sono que fazemos a restauração de tudo que absorvemos de informação no dia, tanto física quanto emocional e até mesmo a nossa alimentação.

Se você não trabalha em regime de plantão como enfermeiros e médicos, então, mais do que nunca, seu sono tem que ser realizado por completo.

Isso por que o estado de descanso proporcionado por uma boa noite de sono reflete até

mesmo na qualidade de composição corporal, hormônios do crescimento como GH e

testosterona mantem seus picos na madrugada.

E, para uma boa higiene do sono, é necessário seguir estes passos;

1. Começar a preparar sua mente para silenciar. Às 21h a glândula pineal já libera um

hormônio chamado melatonina, responsável pelo sono. Então, evite se manter agitado

nesse horário.

2. Desligue luzes, inclusive do celular. Evite televisão no quarto.

3. Vale a pena colocar músicas relaxantes, como sons da natureza ou instrumentais

4. Respirar fundo ajuda melhorar a oxigenação do cérebro, acalmando seus pensamentos. Essa dica é principalmente para os ansiosos

5. Rezar, respirar e agradecer pelo dia que se foi também é um ritual que deixe sua

mente mais calma e em paz.

6. Evitar fazer grandes refeições após às 21h

7. Não consumir cafeína, tereré, e chá preto e verde após às 16h

8. Alguns alimentos são precursores de serotonina e ajudam na liberação de melatonina, entre eles banana, kiwi, castanhas, soja , leite e derivados. Evite caso tenha restrição alimentares.

9. Chás como mulungu, camomila, melissa e a flor do maracujá passiflora podem ajudar

no momento do sono.

Segundo as referências bibliográficas, a formação da educação do sono de qualidade, ou seja, rotina de sono provem de hábitos familiares. 

A Sociedade Brasileira de Pediatria classifica o sono como uma das necessidades

básicas de vida e essencial para todas as crianças e adolescentes para o crescimento e

desenvolvimento saudável.

Para manter um bom ritmo biológico é importante manter um cronograma de horas para dormir, estar alerta, pensar, estudar, trabalhar, sentir-se bem e realizar atividades de lazer, assim como digerir bem os alimentos após as refeições.

Em virtude da intensa relação existente entre a qualidade do sono e a da vigília, um dos resultados mais imediatos do sono de má qualidade é a queda no rendimento da performance ou das atividades executadas no dia seguinte, provocando danos durante o período de vigília como sonolência, atraso puberal, ansiedade, depressão, baixa autoestima, lentidão de raciocínio, mau desempenho escolar e pessoal, além de predisposição aos acidentes e traumas, dificuldades em acumular conhecimentos. Também promove alterações do humor e comprometimento de criatividade, atenção, memória e equilíbrio.

Por fim, o sono é fundamental, assim como se alimentar e fazer exercício. Caso contrário, sua qualidade de vida e até mesmo humor são afetados.

*Camila Delgado é nutricionista com especialidade em nutrição esportiva e compartilha muitos conteúdos sobre alimentação, exercícios e estilo de vida nas redes sociais. Contato: @camiladelgadonutri

 



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS