02 de Abril de 2020,

Polícia

A | A

Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h:00 | Atualizado:

Energisa faz operação contra fraudes na rede de distribuição no Cristo Rei

A equipe de Combate a Perdas da Energisa Mato Grosso faz nesta semana uma operação de impacto na região do Cristo Rei, em Várzea Grande.  A ação tem por objetivo verificar a existência de irregularidades na rede de distribuição de energia elétrica, como os ‘gatos’ e adulteração nos medidores, por exemplo.

A operação de impacto começou ontem e segue até amanhã. Na tarde de hoje (24), contará com a parceria da Perícia Oficial e Idenficação Técnica (Politec). O furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal, com pena de reclusão de um a quatro anos e pagamento de multa.

No Cristo Rei, as perdas decorrentes de fraudes e furtos de energia chegaram a 1.300 Megawatts-hora nos últimos 12 meses, que equivalem a R$ 785.200,00 e ao consumo de 471 residências no período de um ano.  “Os furtos de energia trazem diversos prejuízos à população, pois podem interferir na tarifa, colocar em risco a segurança das pessoas e impactar na qualidade do fornecimento”, explica o gerente do Departamento de Combate a Perdas, Felipe Costa da Silva.

A Energisa tem um trabalho planejado de redução do índice de perdas de energia, que atualmente é de cerca de 5% em Mato Grosso. Além das operações de impacto, que já iniciaram no interior e hoje começam em Cuiabá, ocorrem também as ações diárias ao longo de todo ao ano, com equipes que trabalham a partir de indícios de irregularidades em unidades consumidoras, independentemente de bairro ou classe social.

A empresa também realiza o evento itinerante Energisa na Comunidade, uma vez por mês, sempre em um bairro diferente, permitindo a negociação de débitos e a regularização de situações de furto ou fraude.

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS