Polícia Terça-Feira, 07 de Fevereiro de 2023, 10h:20 | Atualizado:

Terça-Feira, 07 de Fevereiro de 2023, 10h:20 | Atualizado:

SEM PEIXADA

Homem é preso com mais de 250 quilos de pescado ilegal

 

Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

Peixes apreendidos pela fiscaliza��o ambiental.jpg

 

Peixe fora da medida.jpg

 

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e o 10º Batalhão de Polícia Militar apreenderam 255 kg de pescado ilegal que estava sendo transportado sem documento, no município de Castanheira (776 km distante de Cuiabá), nesta segunda-feira (06.03). O flagrante ocorreu em uma barreira terrestre na MT 170, que liga Castanheira até Juruena.

 O motorista do veículo com o pescado ilegal foi conduzido para a Delegacia de Juína e foi multado em R$ 24.320. Entre as espécies apreendidas estão Trairão, Cachara, Matrinxã, Bicuda, Pacu e Bagre. Conforme o coordenador de Fiscalização de Fauna da Sema, Alan Silveira, se trata de uma grande apreensão e representa mais que o dobro da cota semanal de um pescador profissional, que é de 125 kg por semana.  

Fiscalização continua nos rios 

Mesmo após o término do defeso da piracema no dia 3 de fevereiro, a fiscalização dos rios continua. "Além de verificarmos as medidas dos peixes e a quantidade transportada, as equipes de fiscalização continuam fiscalizando os rios de divisa com outros estados, onde a pesca segue proibida até o dia 28 de fevereiro", explica o coordenador.  

Quem praticar a pesca ilegal pode receber multas que variam entre R$ 1 mil a R$ 100 mil, com acréscimo de R$ 20 por kg de peixe encontrado. Também poderá ter o pescado, equipamentos e embarcação apreendidos, além de responder na esfera criminal e civil pela ilegalidade.

A Sema destaca a obrigatoriedade da carteira de pesca, seja ela amadora ou profissional, para pescar e transportar. Também deve ser respeitada a cota de transporte, que para amador é de 5 kg e um exemplar, e para profissional é de 125 kg por semana.





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet