13 de Novembro de 2019,

Polícia

A | A

Sexta-Feira, 18 de Outubro de 2019, 15h:00 | Atualizado:

IMPORTUNAÇÃO

Homem é preso por induzir menor a sexo para satisfazer fetiche

Carlos Reginaldo D"Ávila também estava foragido por assassinato


Da Redação

abusador/folhamax

 

Carlos Reginaldo D'Ávila, de 57 anos, suspeito de induzir uma menor de 14 anos a praticar sexo com outra pessoa para satisfazer um fetiche sexual, foi preso na manhã de terça-feira (15), em Cuiabá. A prisão foi efetuada por policiais civis da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol) no bairro Novo Mundo.

Suspeito também de homicídio, Carlos foi capturado após denúncia de seu paradeiro à Polícia Civil. Os mandados de prisão são expedidos pelo juiz da 14º Vara Criminal da Capital.

O segundo crime, de "induzimento de lascívia", está em segredo de justiça. Desde setembro de 2018, quando foi sancionada a Lei 13.718, importunação sexual tornou-se crime, com pena de 1 a 5 anos de prisão.

Após cumprimento de mandado de prisão, o foragido foi levado para audiência de custódia para as providências que o caso requer.

 

 

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS