25 de Agosto de 2019,

Polícia

A | A

Terça-Feira, 13 de Maio de 2014, 14h:16 | Atualizado:

Polícia desmantela esquema de venda de lotes em Chapada dos Guimarães

Aproximadamente 100 barracos e casas foram destruídos em cumprimento a uma ação de reintegração de posse, no loteamento Recanto das Araras, no município de Chapada dos Guimarães (67 km ao norte da Capital). A ação conjunta, envolveu as Polícias Civil, Militar e Federal, além do Ministério Público Estadual (MPE). Ao menos 3 pessoas são foragidas, acusadas de participação em esquema de vendas dos lotes, localizados em terreno público.

De acordo com o delegado Bruno Lima Barcelos, que acompanhou os trabalhos de demolição, o trio criou uma associação que comercializava os terrenos a preços que variavam entre R$ 600 e R$ 1,2 mil. Servidores públicos federais e estaduais estão entre aqueles que compraram os terrenos.

Ercídio Brasilino de Oliveira, José Nilton Reliquias dos Santos e Odálio Rodrigues dos Santos são suspeitos de terem comercializado aproximadamente 200 lotes na região. “Estávamos investigando este esquema há cerca de 1 ano”, explicou o delegado.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS