03 de Julho de 2020,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 22 de Maio de 2014, 08h:06 | Atualizado:

ASSALTO A RESIDÊNCIA

Trio é preso após roubar pastor evangélico no Recanto dos Pássaros


Da Redação

agir-durante-assalto.jpg

 

Três criminosos foram presos na noite desta quarta-feira (21), após renderem um pastor de igreja evangélica e roubar vários objetos de sua residência, além de seu veículo. O crime aconteceu por volta das 20h30 no bairro Recanto dos Pássaros, em Cuiabá. 

Durante a fuga, os bandidos ainda causaram um acidente, batendo em mais dois carros.

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos Kleiton Costa Veiga, 18, Diogo Rafael Pereira, 21, e Fernando Yuri Alves França, de 20 anos, renderam o pastor N.B.A, de 70 anos, no momento em que ele saía de sua casa. O trio abordou o homem com um revólver e o trancou dentro de um quarto junto com a esposa, enquanto recolhiam para dentro do carro vários objetos de valor.

Foram roubados da casa R$ 207 em dinheiro, miniaturas de carros antigos, dois relógios, dois telefones celulares, uma faca de caça e várias roupas do pastor. Após cometerem o crime, os três suspeitos fugiram no Fiat Punto da vítima.

Policiais da Base comunitária do Moinho foram acionados e várias viaturas saíram em rondas na região. Cerca de 30 minutos depois do roubo, policiais encontraram o carro na Avenida dos Trabalhadores, próximo ao bairro Pedregal. 

O condutor não obedeceu a ordem de parada e a fuga continuou seguindo pelo bairro Bosque da Saúde, até que numa rua deserta, um dos policiais conseguiu atingir o pneu traseiro do carro com um disparo.

Os suspeitos ainda tentaram continuar fugindo, mas perderam o controle do carro e bateram em um Voyage branco e em uma Kombi. O condutor Kleiton ainda tentou sair correndo do carro, mas acabou preso. Já os suspeitos Fernando e Diogo, foram detidos dentro do veículo, onde também foi encontrada a arma calibre 32.

O trio foi levado para a Central de Flagrante. Todos eles têm passagens pela Polícia e foram reconhecidos pela vítima. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Roubos e Furtos (DERF) e a Polícia Civil investigará o crime.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS