Política Segunda-Feira, 06 de Julho de 2015, 12h:52 | Atualizado:

Segunda-Feira, 06 de Julho de 2015, 12h:52 | Atualizado:

Notícia

AL oficializa criação de três frentes parlamentares

 

Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

A Assembleia Legislativa contará com  a atuação de três frentes parlamentares na Casa para debater assuntos como medicina alternativa, cooperativismo e o Vale do Rio Cuiabá. Os atos referentes à constituição e instalação dos grupos foram publicados no diário oficial desta sexta-feira (3), já com a nomeação dos deputados que irão compor as frentes.

O deputado Wancley Carvalho (PV) será coordenador-geral de duas frentes. A primeira delas é a do Cooperativismo no Estado de Mato Grosso, com o objetivo defender, fomentar e formar parcerias no setor. A Frencoop, como será chamada a frente, seguirá os mesmo moldes da já existente no Congresso. O grupo contará com o apoio do deputado federal do Rio Grande do Sul, Giovani Feltes. Os membros atuantes são Zeca Viana (PDT), coronel Pery Taborelli (PV), Dilmar Dal Bosco (DEM) e Saturnino Masson.

O coordenador Wancley Carvalho acredita que a Frencoop deverá contar com a adesão de mais parlamentares ao longo do ano. Amanhã (4.7) celebra-se o Dia Mundial do Cooperativismo e a expectativa é de que a frente comece a trabalhar na próxima semana.

Outra frente que será coordenada por Wancley é em “Defesa das Práticas Integrativas da Saúde”, chamada de Frente Holística. Ela irá debater a integração da medicina alternativa com a convencional na rede pública de saúde. Atualmente, são mais de 50 práticas existentes e que demonstram resultados. Apesar de haver certo preconceito às terapias propostas, cada vez mais gente se interessa pela prática e até mesmo hospitais conceituados têm inserido a medicina alternativa nos tratamentos oferecidos, como é o caso do Sírio-Libanês, em São Paulo.

Também sob a coordenação de Wancley, são membros da Frente Parlamentar Holística, os deputados Emanuel Pinheiro (PR), coronel Pery Taborelli, Saturnino e o primeiro-secretário da Casa, Ondanir Borolini (PR). A data de instalação do grupo ainda não foi definida. O objetivo dos parlamentares é conhecer melhor e buscar formas de inseri-las no Sistema Único de Saúde (SUS).

A terceira frente parlamentar é a de “Desenvolvimento Econômico e Social-Sustentável dos Municípios do Vale do Rio Cuiabá". Ela será coordenada pelo deputado estadual Eduardo Botelho (PSB) e atuará na defesa dos interesses das populações localizadas nestas cidades, oferecendo propostas, defendendo projetos e estabelecendo metas para a inclusão social e econômica.

Um das ações da frente será a elaboração de estudos sobre os problemas que afetam o desenvolvimento da região, devendo estabelecer propostas nas esferas orçamentárias para que planos e projetos sejam direcionados a atender às necessidades da população.

Além de Botelho, compõem a frente os deputados Emanuel Pinheiro, Wilson Santos, coronel Pery Taborelli e o presidente da Casa, Guilherme Maluf.





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet