22 de Outubro de 2019,

Política

A | A

Sábado, 21 de Setembro de 2019, 12h:39 | Atualizado:

FORÇA DA GESTÃO

Emanuel reúne 13 partidos; cita "legado político", mas evita assumir candidatura em 2020 em Cuiabá

Prefeito diz que decide até abril de 2020 se irá enfrentar desafio das urnas no ano que vem


Da Redação

emanuel-mdb.jpg

 

Apesar de dizer que ainda não tomou a decisão se será candidato a reeleição, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), já “prepara o terreno” para enfrentar as urnas no próximo ano. Neste sábado, reuniu 13 partidos que dão sustentação a sua gestão e, segundo o prefeito, representam a continuidade do grupo político que “está transformando Cuiabá”.

O encontro ocorreu no Hotel Fazenda Mato Grosso e reuniu cerca de 1 mil pessoas. Além do MDB, estiveram no evento lideranças do PV, PP, PTB, PRTB, PSD, PSDB, PL, PSC, PSB, PMB, Republicanos e Avante. 

“Temos aqui 11 partidos, mas está partindo para 13,14. Estão aqui para reiterar a lealdade com o grupo político, a nossa gestão e a construção de um projeto que Cuiabá não pode parar. Não necessariamente com Emanuel Pinheiro candidato a reeleição. Mas com uma gestão humanizada, popular, próximo das pessoas, implementada pela gestão Emanuel pinheiro. Isso sim, não pode parar”, disse o prefeito, antes de tomar conhecimento que se tratava na verdade de 13 legendas no encontro.

Segundo Emanuel, em relação a eleição passada, o grupo aumentou significativamente, recebendo apoio do PRB, PSDB, PSB, PRTB, PSD. Para ele, isso é efeito da “gestão humanizada” que implantou na Capital e está melhorando a vida da população. 

“Esse patrimônio político que temos aqui hoje, de 10 a 11 partidos, que caminha para mais, sem o toma lá, dá cá. Por exemplo, o PRB, que é a 5ª ou 6ª bancada da Câmara, quer apoiar a gestão humanizada do prefeito Emanuel Pinheiro e não está pedindo cargos. Estão vendo o que nossa gestão está fazendo por Cuiabá, estão vendo as coisas acontecerem”, frisou. 

Sobre uma eventual candidatura, voltou a despistas e evitou garantir que enfrentará o desafio das urnas novamente. O prefeito citou questões familiares e a própria gestão para postergar uma definição sobre o futuro político. “Não sei se sou candidato a reeleição. Não é jogo de palavras, não é jogo de cena, eu não sou assim. Primeiro, é que minha esposa pede para não ser, ela não quer. Segundo, que eu não penso nisso, eu só penso, respiro e transpiro a gestão em Cuiabá, 24 horas por dia. Vou deixar 2020 para 2020, até porque sei que se antecipar o processo, não estarei contribuindo em nada com a gestão na capital. Tenho compromisso sagrado com a população até 31 de dezembro de 2020”, colocou.

A definição, segundo o prefeito, será tomada até abril do próximo ano. Para ele, este é o prazo necessário para que, caso não seja candidato, um novo nome assuma e consiga viabilizar a candidatura junto a população.  “Essa decisão tem que ser tomada até março, que é o prazo da janela, no máximo início de abril. Seis meses antes das eleições, para que se prepare uma pessoa do grupo, com perfil e com condições de dar sequência a esse projeto que é de amor por Cuiabá”, assinalou.

 

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • ex eleitor | Domingo, 22 de Setembro de 2019, 09h17
    0
    0

    Mané paletó..seu lugar é no Carumbe!!

  • Coisas da vida | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 20h03
    3
    2

    Com todo respeito,se houvesse justiça,honra e vergonha na nossa cara,Esse prefeito era para ter sido afastado e preso,e talvez servisse de exemplo para os corruptos,respeitarem o povo e a Justiça!UMA VERGONHA.

  • José do Cilindro | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 18h47
    3
    2

    Essequencia Palitozao precisa saber se a População aceita .Esse Palitozao tem que parar atrás das grades.

  • Reginaldo neves dos anjos | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 18h42
    1
    2

    As esposas nunca querem como se esses polticos de carteirinhas respeitassem a vontade delas, conversa fiada quer ser candidato : assume logo de uma vez. Deixa de balela.

  • Ggm | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 18h12
    3
    2

    Nojo de político corrupto.

  • Jose | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 18h07
    3
    2

    Pode reunir 100 partidos, Deus não deixará prevalecer!

  • Eleitor | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 18h04
    4
    3

    EM 20223, teremos Emanuel Pinheiro como Governador de Mato Grosso digo porque em 2014 votamos no teórico honesto e cumpridor da lei e vimos como ele terminou o Governo, em 2018, votamos no teórico competente e estamos vendo que o homem sabe falar de crise. E, o Emanuel e em 2017 votamos no Emanuel Pinheiro apenas como um voto de protesto contra o candidato do Pedro Taques e felizmente elegemos um excelente prefeito e principalmente um politico que respeita os servidores públicos e por isso pode escreverem Emanuel Pinheiro será o Governador em 2023 desde que continue nesta linha de bom administrador e respeitando os servidores públicos.....

  • Eleitor | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 17h54
    3
    3

    NÃO TENHO DUVIDA EMANUEL PINHEIRO O PRÓXIMO GOVERNADOR DE POIS ESTA SENDO UM EXCELENTE PREFEITO E RESPEITA OS SERVIDORES PUBLICOS...EM JANEIRO DE 2023 TEREMOS UM NOVO GOVERNADOR...

  • Zeca | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 17h09
    3
    2

    Sai fora Mané paletó.

  • marcelo oliveira | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 16h41
    4
    1

    Imagina como estão os paletós dos dirigentes desses partidos!

  • marcelooliveira@pjc.mt.gov.br | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 16h37
    3
    2

    Pode ser candidato único que não vai levar o meu voto, eu vi ele colocando maços de dinheiro no paletó, não foi de ouvir dizer não, eu vi!

  • Sônia | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 15h15
    11
    4

    Quero crer que o eleitor não votará nesse sujeito, afinal, trata-se de um corrupto. Prefiro anular meu voto a elegê-lo novamente.

  • João Donato | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 15h01
    12
    3

    A dúvida dele é se o povo já esqueceu o flagrante do paletó. É dá pra esquecer???

  • Deovaldo | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 15h01
    9
    9

    Agora quero ver a pessoa que disse estes dias que se saisse candidato venceria Emanuel,,,,,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk,,,faz nos rir garoto suplente....sai agora quero ver a taca que levará,,e Parabéns Emanuel pela força e liderança esta que demonstra com muito trabalho e dedicação,,

  • Marcos Samaro | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 14h41
    9
    2

    É por isso que é chamado de mentiroso! Não sou candidato......kkkkkkkkk. politico antigo....demagogo. paciência

  • Paolo | Sábado, 21 de Setembro de 2019, 14h32
    11
    4

    Pode reunir 56 partidos de canalhas que não esqueci o $$$$ caindo do seu bolso ordinário.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS