18 de Janeiro de 2020,

Política

A | A

Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019, 19h:04 | Atualizado:

MALUCOS NA POLÍTICA

Projeto exige exame de sanidade de vereadores de Cuiabá


G1-MT

camaracuiaba.jpg

 

O vereador por Cuiabá, Ricardo Saad (PSDB), apresentou um projeto de lei que prevê a exigência de atestado de sanidade mental a todos os parlamentares da capital.

Segundo ele, a atitude de alguns vereadores pode ser comparada a quem compra armas.

“Quando você vai comprar uma arma, você tem que levar o atestado de sanidade mental. Aqui dentro, a equivalência é a mesma. O vereador está na tribuna, atira na cidade inteira, atira no prefeito, atira no colega, atira em todo mundo. O estrago que ele faz moralmente é muito grande. Um mês depois comprovam que a pessoa que foi citada é inocente. E ai? Como recuperar sua imagem perante a família? Nunca mais você vai ser o mesmo”, afirmou.

Ainda de acordo com o parlamentar, a intenção é que o projeto já tenha validade a partir de 2020.

“Dentro do que eu tenho visto nesse plenário, a atitude de alguns vereadores, é preciso sim fazer exame de sanidade mental. E não é para outra legislatura. Eu vou pedir para o presidente para que a partir do ano que vem todos os vereadores tragam o atestado de sanidade mental. Quero ser o primeiro a entregar”, disse ele.

Conforme o projeto apresentado por Saad, o atestado deve conter a assinatura de três médicos psiquiatras indicados pela Comissão de Saúde da Câmara de Cuiabá.

 

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Eurípides Costa | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 12h53
    0
    0

    Já tava na hora. Aliás se já existisse isso, muito vereador não ia tá lá nesse momento. Sobrariam talvez uns dois e olhe lá

  • EC | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 11h16
    0
    0

    Inconstitucional de plano... Muito mal preparados esse vereadores e seus "assessores"...

  • Jpa | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 08h18
    1
    0

    Acho interessante esse projeto poderia já colocar em pauta pra votação , seria um bem pra Cuiabá pq dai não ia sobrar um aí na câmara e já aproveitava e fechava ela já que ela não serve pra nada a não ser pra gastos e dévios de dinheiro público!!!

  • Observador | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 07h27
    1
    0

    Faltou acrescentar também teste de escolaridade! 99,9% não sabe ler nem escrever.....e se ler, não entende o que esta escrito...... Como vão fazer leis??????? Por isto que nosso Estado e município da 1 passo para frente e 50 para trás.

  • Mulheres do Bem | Sábado, 07 de Dezembro de 2019, 06h42
    0
    0

    Esse vereador deve ser cassado pelo povo, com tantos logares para fiscalizar, trabalho tem muito a ser feito, esse babaca vim que esse circo, é lamentavel, falta de vergonha na cara. Quanto ao prefeito tem que ir pra cima corrupto, ladão de dinheiro do povo tem que ser cassado também.

  • José | Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019, 21h53
    8
    0

    Esqueceu do exame de consciência e de honestidade que falta em todos os políticos de mato grosso?

  • J.José | Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019, 20h50
    3
    2

    Só faltava essa 🤦‍♂️

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS