05 de Agosto de 2020,

Cidades

A | A

Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 16h:39 | Atualizado:

PROFISSÃO DE RISCO

Agentes socioeducativos de MT lutam por porte de arma

pomeri-nova.jpg

 

O deputado estadual Mauro Savi (PSB) recebeu na quarta-feira (7), representantes do Sindicato da Carreira dos Profissionais do Sistema Socioeducativo do Estado de Mato Grosso (Sindpss-MT), para tratar da elaboração de um Projeto de Lei que permitirá aos agentes das unidades socioeducativas que atendem adolescentes infratores a ter direito ao porte de arma fora do local do ambiente de trabalho.

O presidente do Sindpss-MT, Paulo Cesar de Souza, expôs ao parlamentar a necessidade de um agente socieducativo  usar arma por causa do risco sofrido fora do ambiente de trabalho. “Somos ameaçados diariamente por exercer nosso trabalho e somos a única categoria que não tem permissão de portar arma para nossa própria segurança e de nossos familiares”, lamentou o representante da classe.

O deputado Mauro Savi, concorda com a posição da categoria e irá analisar juntamente com sua assessoria jurídica os meios legais para a criação da lei. “É notório que esta categoria está exposta a riscos, porque fazem escolta, custódia, segurança e atuam diretamente na ressocialização de adolescentes em conflito com a lei, e estão sujeitos a riscos fora do horário de expediente. É importante que a Assembleia Legislativa aprove esta lei e que seja sancionada”, pontuou o deputado.  

Na Câmara Federal tramita a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) - 365/2017 sobre o mesmo tema e está na pauta da Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania. Também está sendo apreciado na Assembleia Legislativa de  Minas Gerais, um projeto similar ao que será  apresentado em Mato Grosso.

Morte de agente - Em 2016, o agente do sistema socioeducativo, Sidney Carlos da Silva Alves, 40 anos, foi morto na região do Sucuri, em Cuiabá. Conforme o presidente do Sindpss-MT, Paulo Cesar de Souza, o agente foi reconhecido por trabalhar no sistema socieducativo. Também participou da reunião, o vice-presidente do Sindpss-MT, Paulo Cesar de Souza  e o Secretário Geral, Edinei Pereira e Sidnei Oliveira. 



Postar um novo comentário

Comentários (42)

  • Genildo | Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018, 21h05
    0
    0

    Se tratando de segurança hoje no Brasil é uma área critica de se trabalhar, e é impossível os agentes de segurança socioeducativos fazerem segurança sem nenhum sistema de defesa, todos sabem que os menores são infratores, criminosos, se não, não chamaria ressocialização. Vários casos de invasão de criminosos no sistema socioeducativo para resgatar menores infratores, como os agentes vão proteger os funcionários que compõe a instituição, e até as suas próprias vidas dentro e fora do estabelecimento, isso é um veto fora de questão, são agentes de segurança, que lidam com bandidos o tempo todo, fazem escolta e tudo mais. Devem ter uma instrutura completa de armamento e treinamentos qualificados na área e na própria instituição, se trata de segurança pública, como vão fazer a segurança se não tem condições de proteger nem eles mesmo, também para garantir a segurança das crianças que estão lá dentro e dos funcionário e visitantes que precisam entrar na instituição.

  • Agente Diana | Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018, 14h18
    6
    0

    Não existe essa história de ressocialização,só fala isso quem nunca trabalhou no sistema. Sistema fálido,um faz de conta,quem defende bandido deve ser tb ou tem alguém na família que é.sou agente socioeducadora e trabalho da forma correta ,sem desrespeitar e agredir nenhum deles,mais mesmo assim sou ameaçada pelos "adolescentes " vítimas da sociedade. Vítimas somos nós que trabalhamos em um sistema que não nos DAR condições de nos proteger. Os direitos dos manos só serve pra proteger vagabundo. Meu pai foi vítima de latrocínio é nunca ninguém dos direitos humanos foi em minha casa para sabermos como estávamos. Enquanto não mudar as leis e punir com leis severas esses projetos de bandidos,a tendência é só piorar.Isso é Brasil!

  • Ivo | Sábado, 10 de Fevereiro de 2018, 08h04
    5
    0

    Esse Marcelo é um frustado. Toma vergonha rapaz

  • Paulo Ricardo Martins Duarte | Sábado, 10 de Fevereiro de 2018, 04h00
    3
    0

    Olha sou agente sócioeducador no Estado do RS e sou a favor do porte de arma. A pouco dias um colega foi assassinado e outro ficou ferido na frente do portão da Unidade , na cidade de Novo Hamburgo .

  • Adriano | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 14h21
    11
    0

    Infelizmente existem pessoas igual a este Marcelo que não tem o que fazer e fica cagando pela boca, só ouviu fala sobre a profissão e não tem experiência teórica para pode fala. Sou agente socioeducativo de São Paulo e a realidade daqui é igual ao de todo o Brasil sao profissionais que tentam si defender e carnisa igual a este indivíduo que só olha o lado de ladrão e por isso que este país não vai pra frente Quando uma desgraça acontece com ele cometido por menor aí ele vai parar e pensar , eu não adianta fala que o senhor iria perdoar pois não sabe a dor que é ter sua família destruída por um lixo deste ou ser humilhado Então para de cagar pelo boca e vai defender as vítimas deste sociedade que são as pessoas que estão presas dentro de suas casas refém destes lixos ( menor de idade)

  • rubens | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 13h19
    0
    12

    cambada de agentes socieducadores vcs nao sao agentes penitenciarios pq nao trabalham em penitenciaria acorda e outra querem porte pra que se e proibido uso de arma de fogo pra vcs, facam concurso pra outra area que te da direito, ou consute o agente machado que anda armado sem poder e fica postando arma de fogo do sistema sendo que nem pode pegar....

  • Politicamente Correto | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 11h09
    6
    0

    Se esse Sr. Marcelo fosse aquele esposo da mulher que teve que fazer uma chupetinha no "adolescente infrator" e ele sendo obrigado a ver tudo de perto, garanto que o pensamento dele seria outro, e bem diferente.

  • Politicamente Correto | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 11h09
    1
    0

    Se esse Sr. Marcelo fosse aquele esposo da mulher que teve que fazer uma chupetinha no "adolescente infrator" e ele sendo obrigado a ver tudo de perto, garanto que o pensamento dele seria outro, e bem diferente.

  • Casemiro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h26
    2
    0

    Marcelo, és um boca aberta que não entende nada do assunto que estás opinando, SEGURANÇA é para quem atua nela

  • Casemiro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h26
    10
    0

    Marcelo, és um boca aberta que não entende nada do assunto que estás opinando, SEGURANÇA é para quem atua nela

  • Leandro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h26
    14
    0

    Quem são carcereiros senão aqueles que garantem o cárcere? A maioria daqui não sabe o que está falando, o Agente é espécie, socioeducativo ou penitenciário é o gênero, o agente socioeducativo lida com todo tipo de ameaça e merece ter o direito de defesa garantido, e a arma não é para uso em trabalho interno da unidade...procurem se informar!!

  • Casemiro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h26
    6
    0

    Marcelo, és um boca aberta que não entende nada do assunto que estás opinando, SEGURANÇA é para quem atua nela

  • Agente | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h19
    16
    0

    Pra quem está falando asneira o porte de arma para agente de segurança socioeducativo é para proteger sua própria integridade física e de sua família e não dentro das unidades ( leia toda a matéria antes de falar merda) e com as palavras do colega acima venha tirar um plantão na unidade , melhor faço concurso seja aprovado e vá trabalhar lá, e depois de sua opinião , e quando um adolescente invadir sua casa para cometer algum ato , não chame a polícia de um abraço ou um buquê de rosas pra ele quem sabe ele vá embora sem fazer nada, mas não chame a polícia pq se eles estão lá privados de liberdade e pq alguém errou em sua educação , ( como sempre é mas fácil jogar a culpa no estado )

  • Agente | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 10h19
    6
    0

    Pra quem está falando asneira o porte de arma para agente de segurança socioeducativo é para proteger sua própria integridade física e de sua família e não dentro das unidades ( leia toda a matéria antes de falar merda) e com as palavras do colega acima venha tirar um plantão na unidade , melhor faço concurso seja aprovado e vá trabalhar lá, e depois de sua opinião , e quando um adolescente invadir sua casa para cometer algum ato , não chame a polícia de um abraço ou um buquê de rosas pra ele quem sabe ele vá embora sem fazer nada, mas não chame a polícia pq se eles estão lá privados de liberdade e pq alguém errou em sua educação , ( como sempre é mas fácil jogar a culpa no estado )

  • Laiis | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 08h46
    8
    1

    SIM, concordo. Todos da SeG. publica deve portar uma arma!!! Afinal são bandidos !

  • Marcos | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 08h19
    11
    0

    Esses menores são piores que os adultos

  • Paulo | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 08h02
    1
    10

    Esses agentes do sócio são uma piada, bando de porro atoa que não gosta de trabalhar, ainda vem falar que pomeri é pior que PCE, não dão conta de 70 menores vão querer cuidar de 2000 presos, vão caçar o que fazer

  • Carlos Sancha | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h59
    7
    0

    Maciel, Vai e acordar pra vida e lute pelos Direitos Humanos por mais Saúde e Educação para de criticar assuntos que não conhece Seu Petista Metralha.

  • MARCELO - PAGADOR DE IMPOSTOS | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h59
    1
    14

    Senhor Aurélio, gostaria que pesquisasse há quanto tempo existe essa profissão e o porque ultimamente começaram a se sentir em perigo? Bandidos não meche com profissionais, será difícil entender.

  • MARCELO - PAGADOR DE IMPOSTOS | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h55
    1
    16

    Senhor Cuiabá, pelo que percebi você está na profissão errada, é dessa forma que você trabalha com ressocialização? È dessa forma que você fala com os adolescentes? por isso que quer usar armas.

  • Carlos Sancha | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h53
    4
    0

    Maciel, Você não sabe Nei o Começo da Reza, gostaria de te entregar três Santos destes que você defende e Cuidando deles voce veria que não é tão simples ASSIM, Vai defender as Famílias que os Bandido mataram e estupraram ai diria que estaria fazendo o Papel do Verdadeiro Direito Humano. Viva a Realidade da Vida e pare de sonhar. Respeite

  • MARCELO - PAGADOR DE IMPOSTOS | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h53
    1
    12

    Senhor Jean Marcelo já que o senhor está comparando Mt com Sp e Rj, solicite ao governador que proponha uma lei para vocês receberem oque eles ganham. So querem comparar oque interessa?.

  • Carlos Sancha | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h52
    6
    0

    Maciel, Você não sabe Nei o Começo da Reza, gostaria de te entregar três Santos destes que você defende e Cuidando deles voce veria que não é tão simples ASSIM, Vai defender as Famílias que os Bandido mataram e estupraram ai diria que estaria fazendo o Papel do Verdadeiro Direito Humano. Viva a Realidade da Vida e pare de sonhar. Respeite

  • MARCELO - PAGADOR DE IMPOSTOS | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h48
    1
    19

    Senhor Agente Sincero, bandidos só atacam aqueles agentes que não são profissionais em seu local de trabalho, tenho conhecimento sobre o assunto, pois conheço servidores que trabalham no sistema e sempre falou como funciona e pasmem, ele sempre foi contra o uso de armas por agentes. Ele sempre disse que se você for profissional não tem problema no sistema. Alias, você quer me convencer que arma é a solução para sua segurança? se você pensa assim, acredito que está na profissão errada.

  • Jean Marcelo | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 07h13
    10
    0

    Fala aí funcionário, tem um monte de gente do atendimento técnico negativando os comentários dos agentes de segurança "socioeducativo". A sociedade de maneira geral apoia o direito de defesa que até então é previsto pela constituição. É por isso que o "SEU" o "Funça" não gosta de psicológo, assistente social e pedagogo....eles passam o pano, são cùcharreiros. Contra fatos não há argumentos. Eu luto por redução da maioridade penal e pelo aumento da medida socioeducativa. Força e honra.. degase e fundação casa....tmj

  • EVERALDO PEREIRA COUTINHO | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 06h32
    9
    1

    Vcs que ficam falando merda sem saber o que é a profição de um agente socioeducativo ,passe um dia dentro de uma unidade de internação de menores infratores, pra vcs verem a realidade do abandono por parte do poder publico.Esses proficionais são os verdadeiros guerreiros, e tem mais coragem de que certos agentes prisionais e policiais froxos que existe neste Brasil a fora parabéns pra está categoria de todo Brasil contínuo lutando pelos seus direitos.

  • Charmeiro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 04h45
    6
    1

    Convido vc a trabalhar não 1 dia,apenas alguns minutos de ag sócio educativo. Venha ser xingado de lixo, opressor. Ser ameaçado de morte.conhecer ladrão que rouba,mata ,estupra e fica no máximo alguns meses na fundação casa.ainda da risada na sua cara por saber da impunidade.

  • Charmeiro | Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018, 04h43
    7
    1

    Convido vc trabalhar não 1 dia,apenas alguns minutos de ag sócio educativo. Venha ser xingado de lixo, opressor. Ser ameaçado de morte.conhecer ladrão que rouba,mata ,estupra e fica no máximo alguns meses na fundação casa.ainda da risada na sua cara por saber da impunidade.

  • Agepem | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 23h09
    7
    21

    Carcereiros use cacetete vcs não precisa de arma....tem parceiro que acha que é do soe tá louco...o soe e melhor do que todas as policia...GRAÇAS AO NOSSO QUERIDO GOVERNADOR TAQUES...2018 TEM QUE SER TAQUES...

  • ALCY | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 22h49
    13
    31

    QUER DIZER QUE SE PUDEREM TRABALHAR ARMADO E CASO HAJA UMA REBELIÃO DOS MENORES, VOCÊS IRIAM ATIRAR NA GURIZADA. VÃO APODRECER NA CADEIA SE ISSO ACONTECER. LARGA MÃO DE DESCULPA ESFARRAPADA. ARMA NÃO DA SEGURANÇA PRA NINGUÉM. TRABALHE SERIO QUE SERÁ RESPEITADO. SE ARMA FOSSE SINÔNIMO DE SEGURANÇA NO RIO NÃO MORRERIA POLICIAIS A CADA 24 HORAS.

  • João | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 21h37
    9
    28

    Eles querem andar armados para justificarem aposentadorias especiais, meu olho direito é irmão do esquerdo, só trouxa para cair nessa.

  • Adriano Santos Silva | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 21h34
    25
    4

    Hoje, dia 08-02-2018, um agente socioeducativo de brasilia foi reconhecido e por pouco não foi assassinado, chegaram a dar coronhadas no veiculo dele. Por sorte conseguiu sair em disparada no veiculo

  • rubens | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 21h12
    7
    23

    uma piada em rondonopolis tem agente socieducador portano arma sem permissao isso pq ele responde ja a porte ilegal e posta foto isso pq ele esta trabalhando na cadeia feminina.... nao a essa lei

  • Ronaldo Silva | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 20h27
    19
    3

    Tá com medo de arma? Não compre. Respeito as liberdades individuais antes de mais nada.

  • Aurélio | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 20h20
    27
    7

    Marcelo, você não faz ideia do que esta falando, agentes socioeducativos basicamente são agentes penitenciarios, têm que lidar com menor infrator que roubou, matou, traficante. É uma profissão que trás mais risco que de agente penitenciário inclusive. E eles precisam urgente d porte de arma para se proteger fora de serviço inclusive, é uma piada não terem porte.

  • Cuiabá | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 20h19
    21
    7

    Marcelo, você é um otário! Fica falando asnera, tem bosta na cabeça.

  • Maciel | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 19h48
    12
    32

    Que sindicato de merda, querem trabalhar armados prestem concursos para as polícias. Deixem as medidas socioeducativas para quem acredita na possibilidade de ressocialização e respeita os direitos Humanos.

  • Jean Marcelo | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 19h39
    19
    8

    Em 2017 no estado do Rio foram 3 assassinado e outras 4 tentativas contra agentes socioeducativos, isso somente pelo fato de serem agentes. Em São Paulo houve outros inclusive dentro da unidade o estado não garante a segurança da categoria nem dá o direito a defesa.

  • Sociedade | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 18h49
    11
    22

    Carcereiros já querem o impossível....

  • Eleitor insatisfeito | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 18h27
    12
    31

    Que absurdo!! Carcereiro quer arma pra que?? É cada uma que me aparece viu ..... Os amarelinhos; estavam com essa loucura esses dias; agora contaminou os carcereiros!!

  • Agente Sincero | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 18h01
    26
    16

    Sr. Marcelo, Convido o senhor a ficar conosco um plantao apenas no Polmeri para voce tirar suas duvidas sobre porte de armas para nos agentes. Polmeri é pior que o Pascoal voce é ameaçado pelos infratores, pelas familias dos infratores e nao pode fazer nada. Acompanha as ultimas ocorrencias que foram divulgadas na impressa para vocer ver o apuro que passamos. Venha ficar um dia conosco e tire suas duvidas em relaçao ao porte ou nao de armas.

  • MARCELO - PAGADOR DE IMPOSTOS | Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 17h27
    23
    51

    NÃO ACREDITO NISSO, QUEREM COLOCAR MAIS ARMAS LEGALIZADAS NAS RUAS? ESSAS EMPRESAS DE ARMAS SÃO FORTE NO BRASIL, FAZEM UM LOBBY MUITO FORTE. TODOS QUEREM DINHEIRO PÚBLICO, ESSES DIAS ERAM OS AMARELINHOS AGORA SÃO AGENTES SOCIO EDUCATIVO, DAQUI UM DIA SERÃO OS PROFESSORES, UMA VEZ QUE TRABALHAM COM EDUCAÇÃO TAMBÉM.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS