13 de Dezembro de 2019,

Cidades

A | A

Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 12h:48 | Atualizado:

EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

Blitz alerta sobre atropelamento de animais em rodovias

blitzeducativa.jpeg

 

Animais empalhados e taxidermizados mortos em acidentes de trânsito foram usados em uma 'blitz educativa' na Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá. O projeto ocorreu na segunda-feira (18) e foi divulgado nesta terça-feira (19).

Os animais foram colocados às margens da BR-070 e os motoristas receberam orientações e explicações.

Segundo a PRF, a ideia do projeto é mostrar importância de se manter atento nas rodovias para evitar acidentes, principalmente envolvendo animais silvestres.

O evento aconteceu em parceria com o Instituto Armando Luvision, que tem um acervo de animais taxidermizados e trabalha na área. A taxidermia ou taxiodermia significa 'dar forma à pele'. É o feito de montar ou reproduzir animais para exibição ou estudo.

O objetivo do projeto é levar educação ambiental, especialmente sobre o Cerrado, às instituições de ensino com a utilização de bichos empalhados e taxidermizados mortos em acidentes de trânsito.

Conforme os dados do Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas (CBEE), a cada segundo mais de 15 animais selvagens morrem por atropelamento nas estradas brasileiras, sendo 1,3 milhão por dia podendo atingir 475 milhões de mortes por ano.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS