04 de Agosto de 2020,

Cidades

A | A

Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 21h:37 | Atualizado:

EXCLUSIVO

Prefeito recua e desiste de rodízio de veículos e em mercados em Cuiabá

Emanuel vai debater com segmentos da sociedade antes de tomar novas decisões sobre o assunto


Da Redação

emanuel-live2.jpg

 

Em entrevista exclusiva ao FOLHAMAX, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), revelou que irá revogar dois artigos do decreto nº 7.975/2020,  emitido na tarde de hoje impondo medidas ainda mais restritivas na circulação de pessoas como forma de contenção ao avanço do novo coronavírus. Os trechos a serem revogados são os que prevêem o rodízio de carros, de acordo com o número da placas, e também de entrada em estabelecimentos essenciais, de acordo com o final do CPF. 

No decreto assinado a tarde, a prefeitura estipulou que nos dias pares poderiam circular na cidade apenas veículos com placas finais 0, 2, 4, 6 e 8. Já no dias ímpares, a permissão era para os carros 1, 3, 5, 7 e 9. A exceção seria carros que desenvolvem serviços essenciais - ambulâncias, funerárias e outros - e transporte de passageiros - ônibus, táxis e por aplicativos.

Já em relação à entrada nos estabelecimentos essenciais - bancos, lotéricas e supermercados -, o critério para entrada seria o final do CPF. Os documentos com final de 0 a 4 poderiam entrar às segundas, quartas e sextas-feiras. Já os CPFs com final de 5 a 9, poderiam entrar nestes estabelecimentos às terças, quintas e sábados.

O decreto gerou inúmeras críticas da população e de segmentos da sociedade nas redes sociais. Entidades empresariais chegaram a marcar protesto nesta sexta-feira em frente ao Palácio Alencastro.

RECUO  

Segundo o prefeito, a revogação desses itens ocorre porque a sociedade foi pega de surpresa. Ele admitiu que não houve um bom diálogo com os segmentos da sociedade para definir as medidas.

Emanuel contou que, ao longo da próxima semana, irá discutir as medidas e, aí sim, definir quais e como elas serão tomadas. "As vezes é bom darmos um passo atrás, para depois dar dois ou três a frente", disse.

O prefeito adiantou que os demais itens do decreto estão mantidos. Entre eles, a antecipação do toque de recolher, que iniciará às 20h00. A circulação de pessoas está proibida até as 5h00. Ele começa a valer nesta sexta-feira (3).

Além disso, serviços de delivery, que estavam ocorrendo por 24 horas, serão itnerrompidos a meia-noite. Outra medida que passa a valer é o funcionamento de 100% da frota de ônibus.

O prefeito também mantém a exigência de 100% dos caixas funcionando em supermercados, casas lotéricas e agência bancárias.

Veja outros itens que entrarão em vigor com o novo decreto da prefeitura que entram em vigor já nesta sexta-feira:

Serviço público

Em seu novo decreto, o prefeito Emanuel Pinheiro mantém os servidores públicos municipais em regime de teletrabalho (home office), o qual será definido pelo gestor da respectiva Secretaria Municipal de lotação.

O teletrabalho não se aplica aos servidores da área fim da Saúde; das áreas de fiscalização das Secretarias Municipais de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável, Mobilidade Urbana e Ordem Pública; àqueles que exerçam atribuições em serviços essenciais, inclusive os da área meio que sejam necessários ao suporte das atividades fins essenciais e aos servidores públicos que exerçam a função de vigilante, salvo se componente do grupo de risco.

Continuam suspensos os atendimentos presenciais aos cidadãos nos órgãos públicos municipais, inclusive na Procuradoria Fiscal da Procuradoria-Geral do Município de Cuiabá, Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC) e Lojas de Atendimento ao Cidadão (LACs) da Secretaria Municipal de Fazenda e Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável. Estes deverão continuar disponibilizando meios eletrônicos e/ou telefônicos para possibilitar o acesso pelos cidadãos aos serviços públicos ofertados.

O decreto ainda recomenda que o serviço público Federal e Estadual executados em Cuiabá, inclusive aqueles integrantes do Poder Judiciário, Poder Legislativo, Ministério Público, Defensoria Pública e Tribunal de Contas também adotem tais medidas.

Hotéis, hospedagem 

Durante o período de vigência do novo decreto, está proibida a utilização de refeitórios e restaurantes nos hotéis e hospedarias, permitida tão somente a disponibilização de alimentação mediante serviço de quarto.

As atividades de hotelaria e hospedagem devem funcionar observando medidas de biossegurança como sinalização no piso nos locais em que exigem a formação de filas, com distanciamento de 1,5m; disponibilização constante de álcool em gel 70% e/ou produtos similares de esterilização; uso obrigatório de máscara de proteção, pelos funcionários, colaboradores, prestadores de serviço e clientes; afixação de cartazes informativos e educativos referentes às medidas de prevenção da disseminação do novo coronavírus em lugar visível ao público; reforço da rotina de limpeza de toda a extensão dos empreendimentos; limpeza reiterada do sistema de ar condicionado, bem como manutenção de portas e/ou janelas abertas visando a constante circulação e renovação do ar natural; higienização da superfície das máquinas eletrônicas de pagamento via cartão de débito ou crédito após cada uso, bem como em todos os demais equipamentos utilizados no atendimento dos clientes, de forma a se evitar a transmissão indireta.

Motéis

Está suspenso o funcionamento de motéis localizados no Município de Cuiabá, entre 06 e 20 de julho.

Shoppings centers 

Nos moldes da decisão liminar proferida pelo juiz Luiz Leite Lindote, da 1º Vara Especializada da Fazenda Pública de Várzea Grande, fica vedada a abertura ao público dos shoppings centers e congêneres, permitida tão somente o funcionamento das atividades essenciais mediante sistema delivery.

Transporte coletivo municipal

No caso do transporte coletivo municipal, a novidade é que a partir de sexta-feira (3), o embarque dos passageiros nos ônibus somente será permitido quando estes portarem o cartão para pagamento da tarifa com saldo suficiente, sendo que a recarga do mesmo deverá ocorrer de forma prévia ao embarque. A medida visa evitar aglomeração na parte da frente dos ônibus, que é menos espaçosa.

Continua a determinação de funcionamento com a totalidade da frota de ônibus. As empresas devem observar todas as medidas de biossegurança já impostas, como disponibilização de álcool em gel 70% para utilização pelos usuários e funcionários das empresas prestadoras do serviço; uso obrigatório de máscara de proteção, pelos funcionários das empresas prestadoras do serviço, bem como pelos usuários; higienização de todos os veículos em todas as viagens na respectiva parada final; transporte tão somente de passageiros sentados.

Estabelecimentos de ensino

O decreto mantém suspensas as atividades presenciais nas unidades de ensino públicas e privadas. É permitida a disponibilização de vídeo-aulas mediante gravação nas dependências das escolas e faculdades, bem como a disponibilização de apostilas e demais materiais pedagógicos aos alunos mediante entrega na modalidade “drive-trhu/take-out”, obedecidas todas medidas de biossegurança.

Entregas e retiradas de produtos essenciais

Está permitida a comercialização de produtos oriundos das atividades essenciais pelo sistema de entrega e retirada de produtos (delivery e passe e pegue), desde que o ato de entrega seja precedido de todas as recomendações preconizadas pelos órgãos de saúde quanto à necessidade de higienização do produto.

Para fins de enquadramento da atividade econômica como essencial, será considerada a atividade principal constante no respectivo Alvará de Localização e Funcionamento do estabelecimento. 

 



Postar um novo comentário

Comentários (37)

  • CHRISTIANY | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 10h36
    8
    2

    PALETÓ ENTREGA LOGO O CARGO DE NOSSA PREFEITURA, PREFEITO SEU CORRUPTO MALIGNO, SÓ QUER SABER DE ROUBAR O DINHEIRO PÚBLICO, O POVO NÃO TE SUPORTA MAIS. FORA PALETÓ.

  • zumbi | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 10h11
    5
    4

    Perdidinho esse prefeito , ele quer agradar a todos e não ficar feio na foto com ninguém ,pois atras de tudo isso esta sua reeleição coisa que ele esta muito mais preocupado. Tem um Misael Galvão por traz fazendo toda pressão para manter aberto o comercio em especial aquele que ele é verdadeito ditador que é o Shopping dos Camelos , onde até hoje fico me perguntando o porque da policia civil especializada em produtos falsos , não vai nunca dar batidas e sim , naquelas lojinhas de bairro ali se fazem presentes constantemente... o que esse prefeito tem que intensificar são as fiscalizações, que estão num faz de contas tremendo , pois o que tem de lojas abertas nessa cidade , dando uma banana para esses decretos dele....O país, os municipios , os estados , estamos todos sem rumo , essa que a pura verdae.

  • Adriano | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 09h40
    7
    4

    Esse prefeito de Cuiabá é fraco, o cara tem que entender que ele manda, decreta logo o lockdown, e pronto, não votamos num banana, cara medroso já é aposentado preocupado se vai ganhar política quer agradar a todos mas está matando a população pouco a pouco na hora que morrer alguém de sua família que ele goste ele abre o olho

  • Jones Arruda | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 09h31
    10
    0

    Paletó ladrão tá cheirando cola vencida....ta mais perdido que cachimbo em boca de bebado.

  • Kellen | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 09h17
    3
    1

    Deus esteja no controle🙌🏻, e dê as autoridades o Rumo certo.não está fácil pra ninguém

  • Sertanejo | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 09h11
    5
    2

    Agora a baixada cuiabana reelege o Homem do Paletó... são fã de políticos corruptos.. Painhos.

  • Brunno | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 08h59
    9
    1

    Este prefeito e uma piada pronta kkkk vai fazer está sobrancelha sua ratazana

  • Vanderlei | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 08h24
    12
    2

    Durou nem um dia o monstrengo... Nas mãos de quem estamos... Parabéns ao eleitorado de Cuiabá que elegeu esse arremedo de administrador!

  • Thiago martelo | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 08h05
    10
    1

    " RENUNCIA, JÁ DEU!!!!

  • Kv | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h39
    7
    0

    Essas decisões são sua cara , paletó...prcaria

  • Roberto | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h31
    8
    0

    Prefeito pede pra sair, toque o sino, já pô!

  • Ggm | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h24
    8
    0

    O poder público está perdido, isso mostra a incompetência desses políticos. Só sabem administrar as custas do povo e do dinheiro publico. Agora corrupção são Mestre.

  • Saúde e Trabalho | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h20
    4
    4

    Algum Dr. Mestre em virologia de plantão aqui em Cuiabá e ninguém sabe? Pessoal inúmeros países e cidades também atiraram para vários lados, porque desconhecem como realmente esse vírus se comporta. Sou um microempreendedor, e fui a favor da quarentena desde do início, se foi cedo ou não, não havia bola de cristal. E com relação o rodízio em pauta, são tentativas, não deu certo recua. A grande verdade é que o povo quer bater perna sem motivo. Se não toma medidas precoses reclama. Só gostaria de saber se alguém podia prever quando ia ser o nosso pico. Demoramos chegar nele. Já a estrutura para esse momento devia ter sido priorizada.

  • alexandre | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h13
    8
    1

    Pega inteligência, o governo não faz a parte dele, não testou, não abriu um leito e quer prender e multar, quem precisa trabalhar ?.. absurdo rodízio em Cuiabá..de CPF, placa, de chinelo, de sexo..

  • pantanal | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h08
    4
    1

    perdido na maionese /// o negocio deles e FAZER GRANDES OBRAS , VOCE SABE PRA QUE ////// EXERCITO NOS SALVE

  • Michele | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 06h47
    5
    0

    Depois de ler o decreto acho que devemos fazer igual o cara que pediu o atestado do COVID-19 do Bolsonaro e pedir o atestado de sanidade mental do prefeito....

  • Ze piranha | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 05h55
    3
    0

    Esse prefeito além de ladrão é um fanfarrão sem noção, deve ta nadando de braçada no dinheiro destinado a pandemia, gabundo...salafraria....

  • Alguém que RACIOCINA | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 05h51
    0
    7

    Vejo que a maioria aí é eleitor do Abilhudo, e estão em todo lugar se não for robô, pois esse vereador por ser evangélico segue a linha do maligno presidente é quer que abri tudo, agora tá lá com avô e tio contaminados correndo risco de vida, mas isso não importa se morrer uns 30 mil, fez o certo prefeito mesmo com tanta pressão política e empresarial

  • olavo | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 00h08
    19
    7

    fez bem prefeito tava muito confuso mesmo, rodizio de placa par e ímpar, só que com o CPF não tinha como cumprir, mantem só o toque de recolher as 20:00 hs até as 5:00hs, o resto nem em SP deu certo, esses trouxas ai que querem todo mundo em casa, ou não sabem ou são massa de manobra, o mundo já viu que trancar tudo e todos em casa não evita contaminação pelo contrario ai que alastra o vírus.

  • Perplexo | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 23h36
    16
    17

    Alguém precisa tomar as rédeas de Cuiabá!! Afasta esse prefeito!! Como assim... O POVO MORRENDO! NAO TEMOS ESCOLHA......OU PARA OU MORRE! Ou o padrão de vida OU a vida!! Parem de colocar o dinheiro na frente de tudo....ate de Deus!! Parem....senão Deus vai permitir mais pandemia.....vira uma apos a outra!! A soberania é de Deus, não, nossa!!!

  • Edson Perin | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 23h32
    21
    6

    Fico em dúvida se devo sentir raiva ou pena do prefeito. Lentável.

  • Henrique | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 23h28
    24
    6

    É um fanfarrão.

  • Matogrossense envergonhado e indignado | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h57
    31
    2

    A maior pandemia no MT não é o virus, é a avareza a eleição e o judiciário!!

  • Empresário consciente que há 30 dias sof | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h53
    17
    22

    Enquanto cede as pressões de quem póe o dinheiro acima da vida o Povo vai morrendo!! Faz o seguinte Manoel põe os comerciantes para arcar com os custos dos funcionários e as familias deles que ficarem doentes.....rapidamente mudam de idéia!! A parte mais sensível de certos cidadãos é o bolso!! O negócios é o seguinte.....ou nos isolamos por alguns dias, ou morremos!! Eis a escolha!!

  • Cuiabano raiz | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h46
    38
    3

    A Câmara de Cuiabá é cúmplice disso tudo!

  • rodrigobotelhopinto@hotmail.com | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h46
    15
    0

    Eu to chapado eu to chapado eu to chapado chapado chapadao..entao tira o pe do chao. Pula pula pula filho. Da politica pula...

  • Analista Político | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h44
    29
    0

    Estamos FUDIDOS, o último que SOBREVIVER fecha a porta e apaga a luz, lamentável. Cuiabá está sem rumo, sem UTIs, sem respirador, sem Vereador.

  • Servidora | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h33
    19
    5

    Hospital de campanha já!!!

  • Ataíde Lasagna | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h27
    27
    2

    Tchau paletó. Hoje foi a pá de cal do seu desgoverno. O rei da suplência, só assumiu cargo quando os titulares saíram e pq disputou com o escroto do Wilson santos, ali a briga foi feia pra ver quem é mais asqueroso. #ACasaCaiuPaletó

  • Éverton | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h27
    16
    11

    Precisamos tomar medidas drásticas, esses empresários não conhecem as realidades dos bairros, está um caos todo o setor hospitalar

  • Roger | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h24
    27
    0

    Tá que nem o filme Karatê Kid: "Põe casaco, tira casaco..." Fala sério! Mas foi só o CDL e a FIEMT entrarem na jogada, que a conversa mudou. Nasa como uma boa pressão!

  • Tchá por deus | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h23
    32
    5

    Prefeito entrega o cargo que vc ganha mais, abre espaço pra quem sabe de fato como administrar uma Capital, vc está totalmente perdido, não sabe o que fazer.

  • Jéssica Trans Corintiana | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h23
    15
    3

    Que lambança né meu bem. Parece quando saio com hetero que não decide se quer uma coisa ou outra né? Mas fico agradecida, pois as desculpas dos meus casados pra ir ao mercado continua de pé. Tô feliz, bjokas

  • HRomeu | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h23
    16
    1

    A mãe dele é uma santa, mas ....

  • rodrigobotelhopinto@hotmail.com | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h20
    18
    0

    Manu tu ta na base ou aonde tu arruma esse boby maley....por q q porra tu ta fazendo...ta parecendo um cracolandino

  • alexandre | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h10
    25
    1

    FIEMT enquadrou o prefeito.. ficou fechado desde março, não testaram ninguem...

  • Bruce Wayne cuiabano | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 22h06
    33
    2

    Burro !!!!!!!!! Kkkkk se tinha alguma dúvida sobre reeleição hoje foi a gota d'água. Emanuel nunca mais. Vaza paletó! Seu tempo acabou!

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS