18 de Outubro de 2019,

Cultura

A | A

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 19h:24 | Atualizado:

Premiado documentário sobre garimpo é exibido no Cinemato

Após ser visto em vários cantos do mundo, o premiado documentário “Buracos, a Herança do Diamante”, do Ponto de Cultura Arte Itinerante será apresentado na “terrinha”, no 19º Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá, com realização da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso. A vida, o cotidiano e a herança da época vindoura do diamante em Poxoréu, uma das cidades mais antigas de Mato Grosso, agora poderá ser vista no telão do Anfiteatro do Espaço CDL, na segunda-feira (24.02), às 18h. “Por que um povo sem Cultura não existe”, é o slogan observado no documentário pelo jovem diretor de teatro, que volta à sua cidade natal para realizar uma peça sobre a história vivida pelos velhos garimpeiros.

“Buracos, a Herança do Diamante” teve destaque no “RIFF”, o Roma Independent Film Festival, participou também do “Festival É Tudo Verdade”, em São Paulo, e outro em Israel.

Trata-se de uma co-produção ítalo-brasileira realizada pelo “Ponto de Cultura Arte Itinerante” de Poxoréu, cujo diretor é italiano, Matteo Ferarini, e o produto é a história de Poxoréu e a população local com depoimentos instigantes sobre a era do garimpo e o auge do diamante.

“É uma honra apresentar o documentário no Cinemato, e considero muito importante o convite feito pela Secretaria de Estado de Cultura e pelo Festival para que possamos contar a história de Poxoréu, documentário este que já viajou o mundo, sendo visto em vários festivais”, destaca o coordenador cultural da Associação Partilhar, Gian Piero Barozzi, também italiano e responsável pelo Ponto de Cultura do município em destaque.

Para a coordenadora de Ações Artísticos Culturais da SEC-MT, Cinthia Mattos, é importante a valorização das ações dos Pontos de Cultura. “Ver um Ponto de Cultura sendo premiado em festival internacional nos faz ter a certeza de que a produção audiovisual de Mato Grosso contribui para o fortalecimento da arte”, frisa a coordenadora.

Sinopse

No inicio do século passado, uma multidão de aventureiros caminha meses para chegar aos grandes garimpos de diamantes da região do Araguaia, em particular na de Poxoréu.

Buracos é a história desses aventureiros, contada por eles. Quando o diamante acaba e a sorte desaparece, a incapacidade de planejar o futuro permanece como única lembrança do diamante. Nessa realidade, um jovem diretor de teatro volta na sua cidade natal para realizar uma peça sobre a história vivida pelos velhos garimpeiros.

A equipe de direção é composta por Matteo Pecorara, na fotografia e som, montagem e edição por Renato Lisanti, arte por Gabriella Pezzani, dirigido pelo produtor Gian Piero Barozzi.

Programação Cinemato

A programação do 19º Cinemato, começa todos os dias a partir das 17h30, e contará com debates dos filmes exibidos no dia anterior,pelos próprios realizadores, e segue com a mostra dos curtas e longas-metragem, ou documentários.

A entrada é gratuita e os ingressos devem ser retirados antes, a partir das 16h30, pois Anfiteatro do Espaço CDL tem lotação máxima de 250 lugares.

O 19º Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá é uma realização da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso (SEC-MT), em parceria com os Institutos Cultural América (Inca) e Dancem. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS