20 de Setembro de 2019,

Economia

A | A

Terça-Feira, 25 de Março de 2014, 19h:08 | Atualizado:

Estado aprova cerca de R$ 100 milhões de intenções de investimentos

Nesta terça-feira (25.03), o Conselho Estadual de Desenvolvimento Empresarial (Cedem), aprovou incentivos fiscais e financiamentos para empresas mato-grossenses. 

A 46ª Reunião Extraordinária do Cedem foi realizada na Secretaria de Indústria Comercio, Minas e Energia (Sicme), registrando o volume de aproximadamente R$100 milhões de investimentos para o Estado. No total, estão previstos a quantidade de 688 empregos diretos gerados por 72 empresas.

 O Fundo Constitucional do Centro Oeste (FCO) enquadrou 51 empresas, disponibilizando recursos através de financiamento no valor de R$ 36,8 milhões, que devem abrir cerca de 50 novos postos de trabalho. 

Também foram aprovadas outras quatro cartas consultas junto ao Fundo de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso (Fundeic), gerando investimentos de R$ 891 mil com previsão de 26 empregos diretos. 

Referente aos incentivos fiscais por meio do Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial do Estado de Mato Grosso (Prodeic), 10 empresas pleitearam o benefício, somando o valor de R$ 62,2 milhões que serão aplicados no Estado, oportunizando a abertura de 202 novos empregos.

Na oportunidade os conselheiros também aprovaram o pedido de sete empresas que protocolaram o benefício do Fundo Partilhado de Investimento Social (FUPIS).

O secretário da Sicme e também presidente do Cedem, Alan Zanatta, reforça que os números apresentados na reunião do Cedem mostram o interesse contínuo dos empresários em investir em Mato Grosso, devido à economia sólida e crescente. “Todos os programas oferecidos pela Sicme visam atender o Estado como um todo, exemplo disso, só nesta reunião do Cedem os recursos do FCO irão atingir 20 cidades e o Prodeic outras nove. Oportunizando a geração de emprego e renda nos municípios, o que contribui para fortalecer ainda mais a economia do nosso Estado”.

Zanatta ressalta que a instalação dos Centros de Atendimento Empresarial (CAE) no interior tem proporcionado a disseminação dos programas e contribuindo para estreitar a relação entre as ações de governo e o setor comercial e empresarial de Mato Grosso. “Hoje o CAE está presente em 48 municípios, oferecendo estrutura completa para quem precisa de informação e suporte para abrir o próprio negócio. Quem visita o local tem acesso a todos os programas administrados pela Sicme. Trabalhamos para atrair novos empreendimentos, sejam eles de grande, médio ou pequeno porte. O nosso principal foco é ajudar quem acredita e está disposto a investir em Mato Grosso”. 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS