19 de Agosto de 2019,

Economia

A | A

Terça-Feira, 13 de Agosto de 2019, 20h:30 | Atualizado:

Senador quer mais apoio à agricultura familiar de MT

“A agricultura familiar poderia dobrar o volume de produção de alimentos no campo”. É o que acredita o senador Wellington Fagundes, que participou, nesta segunda-feira (12.08), na Assembleia Legislativa, da implantação da Frente Parlamentar em Defesa da Regularização Fundiária e da Agricultura Familiar em Mato Grosso. Segundo ele, para que o volume de produção possa dobrar, é preciso garantir o acesso ao crédito, o que só é possível mediante a regularização da propriedade da terra. “É preciso criar uma política de estado de apoio à agricultura familiar”, disse ele, “principalmente para quem produz produtos da cesta básica”.

Ele criticou a falta de estrutura do Incra para atuar na regularização fundiária e citou o exemplo da liberação de emenda parlamentar, no ano passado, no valor de R$ 80 milhões que seriam aplicados nesse trabalho. “Mas ele não foi feito por falta de estrutura do Incra”, disse.

Somente em Mato Grosso, calcula-se que pelo menos 80 mil famílias aguardam pelo título de propriedade da terra.

Nesta quarta-feira (14.08), por exemplo, lideranças políticas se reúnem em Brasília com a presidência do Incra para tentar evitar o fechamento da unidade do órgão em Rondonópolis.

“Precisamos garantir mesa farta e acessível a todos”, defende o senador. Além disso, ele cita a agricultura familiar como atividade que gera emprego e renda no campo.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS