14 de Dezembro de 2019,

Economia

A | A

Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 20h:35 | Atualizado:

OPERAÇÃO

União garante que libera voos internacionais em MT até dia 30

Azul já demonstrou interesse em operar 2 voos semanais para Santa Cruz de la Sierra

MARECHALRONDON.jpg

 

Até o dia 30 de novembro o processo de internalização do Aeroporto Marechal Rondon deve estar concluído. A garantia foi dada nesta terça-feira, 19, pelo secretário Nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann, durante reunião com o senador Wellington Fagundes (PL-MT), presidente da Frente Parlamentar de Logística e Infraestrutura do Congresso Nacional - Frenlogi.  Com isso, será possível abrir operações aéreas para países sul-americanos, com previsão de dois voos semanais da empresa Azul de Cuiabá a Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. 

Glanzmann explicou que a SAC e a Receita Federal firmaram entendimento para alteração de manuais de procedimentos relativos à área de uso alfandegário. Participam também dos entendimentos a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a Polícia Federal e a Vigilância Agropecuária Internacional do Ministério da Agricultura.

O secretário Nacional de Aviação Civil lembrou que a concessão do Aeroporto Marechal Rondon – em bloco, juntamente com os aeródromos de Sinop, Alta Floresta e Rondonópolis – ocorreu em março deste ano e que, posteriormente, tiveram início os estudos para a retomada de vôos internacionais. “A atuação do senador Wellington Fagundes tem sido fundamental para agilizar esse processo” – frisou.

“A internacionalização é uma luta muito grande de toda a comunidade. A concessão pela qual trabalhamos teve também a finalidade de ajudar nesse processo de integração com os países da América do Sul. As medidas estão sendo tomadas com a nova arregimentação. Aquilo que causa preocupação maior, que é a questão da área já está sendo equacionada, com a adequação do espaço necessário à Receita Federal” – disse Fagundes.

Além da questão da internacionalização do Aeroporto Marechal Rondon, a reunião na Secretaria Nacional de Aviação Civil serviu também para discutir as etapas relacionadas a transição dos aeródromos para a empresa concessionária.  Glanzmann informou ao senador que até o final do ano todos os procedimentos estarão concluídos, de forma a permitir que os projetos previstos comecem a ser operacionalizados com o aporte de investimentos pelo Consórcio Aeroeste.  

BARRA DO GARÇAS – Outro tema tratado no encontro foi a questão dos investimentos previstos para o Aeroporto de Barra do Garças. Segundo o secretário, está em andamento o projeto para a ampliação do terminal de passageiro e ‘reperfilamento’ de todo o aeroporto. Uma vez finalizado, segundo ele, será firmado termo de cooperação com a Prefeitura.

Glanzmann destacou o trabalho que a Prefeitura vem realizando para viabilizar o empreendimento e garantiu que a modernização e ampliação do Aeroporto de Barra do Garças é estratégico para o desenvolvimento da aviação regional no Centro-Oeste.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Maria Luiza | Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019, 07h00
    1
    0

    Sou do Araguaia e o entao Governador de MT prometeu e cumpriu fazer um Aeroporto de padrao nacional em BG e infelimente hoje esta semi esquecido. Sera que agora vai.?

  • José Real | Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019, 05h15
    1
    0

    Capitão isso e uma vergonha Tome providências URGENTE

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS