05 de Dezembro de 2019,

Entrelinhas

A | A

Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 11h:34 | Atualizado:

REVERSO DA MOEDA

Ex-juiz é condenado por má fé em MT

juliersebastiao.jpg

 

Acostumado a assinar sentenças e ser considerado um “linha dura”, o ex-juiz federal Julier Sebastião, ultimamente, tem vivido, digamos, o reverso da medalha. Nesta semana, ele foi condenado pela Justiça Eleitoral por crime de injúria em propaganda eleitoral, em 2016.

Julier chamou o então candidato a prefeito de Cuiabá pela Rede, Renato Santana, de “laranja”. O ex-magistrado chegou ao terceiro recurso nesse processo e, por isso, o juiz Márcio Fidélis o condenou por litigância de má fé. A pena não dói tanto: um salário mínimo e meio de multa.

Em 2015, Julier, que hoje é advogado, foi acusado pelo MPF de ter usado o cargo na 1ª Vara Federal de MT para proferir decisão a favor de empreiteiras ligadas às obras do polêmico VLT. Ele teve bens sequestrados. O sonho do ex-juiz é ser prefeito de Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • GRANDE CANALHA | Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 18h17
    2
    0

    Esse vagabundo sempre foi um "grande canalha travestido de pessoa séria", sempre querendo aparecer na mídia deveria estar na prisão, vive se oferecendo querendo se candidatar a qualquer custo, isso é só o começo pra esse patife...

  • eleitora | Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 16h30
    2
    0

    Petista sendo petista, alguém tem alguma dúvida quanto a isto?

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS