07 de Julho de 2020,

Entrelinhas

A | A

Domingo, 31 de Maio de 2020, 14h:18 | Atualizado:

ESQUECIDO

Senador passa por constrangimento

FAVARO.jpg

 

O senador Carlos Fávaro (PSD) passou por uma saia justa em Rondonópolis, durante solenidade de entrega de cestas básicas a comunidades indígenas na região. Convidado de antemão para compor o dispositivo de autoridades, que contava com a ministra Damares Alves, Fávaro compareceu à cerimônia.

Aos poucos, os políticos foram sendo chamados. Mas Fávaro, que estava ali em pé, foi ‘esquecido’ pelo cerimonial do Estado. O senador se juntou às demais autoridades apenas na hora de foto, depois que a ministra recebeu um presente.

Dizem as pessoas que acompanharam os bastidores da solenidade que o ‘boicote’ a Carlos Fávaro foi proposital e teria partido de um outro integrante da bancada federal de Mato Grosso.

Sinal de que a chegada de Fávaro ao cargo anteriormente ocupado pela senadora cassada Selma Arruda (Podemos) não caiu bem para certas pessoas. 

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Berlites | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 22h33
    0
    0

    É o que dá ir onde não foi chamado, verdadeiro penetra, persona nom grata nem reconhecida como senador eleito pelo povo, sim por canetaço de STF, una vergona povo brasilero!

  • Cleide | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 07h59
    14
    3

    Constrangedor é ter um senador não eleito. Constrangedor é a justiça dar posse a um senador que não venceu. Vergonha.

  • Marcus Vinicius Furtado | Domingo, 31 de Maio de 2020, 23h30
    19
    1

    Senador Wellington Fagundes chamou o chorão para subir no palanque, mas o estrelinha estava ofendidinho. Eita chorão arrogante.

  • Deocleciano de Abreu | Domingo, 31 de Maio de 2020, 19h54
    7
    21

    Falta de respeito e consideração do Cerimonial do Governo e do Prefeito de Rondonópolis ( o Ze' do Papel higiênico) e do próprio Sen. Wellington 20, que ficou calado ao ver essa sacanagem. Queira ou não o Favàro é Senador, e teve 434 mil votos do povo Matogrossenses.

  • Felipe | Domingo, 31 de Maio de 2020, 18h22
    26
    3

    Quem elegeu ele ? O STF monocraticamente ? Achei foi pouco!!

  • BUGRINHO TOCANTINS. | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h31
    8
    25

    LAMENTÁVEL, POIS SE FOSSE O QUERIDO EX: GOVERNADOR JÚLIO CAMPOS, QUE COM CERTEZA SERIA ELEITO SENADOR EM ABRIL, O POVO E AS AUTORIDADES IRIAM AO DELÍRIO, POIS DR. JÚLIO CAMPOS É SÍMBOLO DE AMIZADE, CARISMA E LINDAS HISTÓRIA DE ACONTECIMENTOS IMPORTANTES EM MATO GROSSO. JÚLIO CAMPOS É JÚLIO CAMPOS!!! E BASTA.

  • Aquiles Moraes | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h16
    22
    3

    Ignorado no baile. Cresça e apareça senador tampão.

  • Marcelo Berga | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h15
    20
    3

    Mimimi de senador biônico. Ninguém conhece esse senhor em Rondonópolis. Nem o cerimonial do governo estadual sabe quem ele é. Vergonha alheia! Parece um menino minado chorão.

  • Jairo Pereira da Costa | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h13
    16
    1

    Feio não foi o esquecimento e sim o senador tampão gritar no meio das pessoas que não votariam com o governo Bolsonaro no Senado porque foi esquecido pelo cerimonial. Ficou feio demais.

  • Gilda Mattoso | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h11
    19
    2

    Nem para a foto ele foi chamado. A nota está errada. Foi totalmente ignorado. Só lembram dele quando o deputado José Medeiros avisou o cerimonial que tinha um "senador" no meio dos pobres mortais.

  • Usurpadora | Domingo, 31 de Maio de 2020, 15h55
    10
    2

    Senador Paola Bracho.

  • Analista Político | Domingo, 31 de Maio de 2020, 14h24
    32
    9

    Esse Senador foi eleito por quem, lamentável.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS