25 de Maio de 2020,

Mundo

A | A

Terça-Feira, 19 de Maio de 2020, 21h:30 | Atualizado:

CURA

Oxford promete vacina com preço acessível

Vacina-coronavirus.jpg

 

O Instituto Jenner, da Universidade de Oxford, na Inglaterra, figura entre os que estão mais perto de concluir as pesquisas de uma vacina contra o novo coronavírus. Depois de realizar testes em macacos e iniciar a imunização voluntária em humanos, os cientistas apostam que, quando lançada, ela terá dose única e preço acessível para que esteja ao alcance da população mundial.

De acordo com o professor Adrian Hill, que também é diretor do Instituto Jenner, a produção acontecerá em pelo menos sete locais diferentes espalhados pelo mundo, isso deve garantir o preço baixo. “Esse sempre foi o nosso plano”, disse para a agência Reuters. O grupo de pesquisa trabalha em parceira com o conglomerado farmacêutico AstraZeneca.

A expectativa dos pesquisadores é de que cerca de um milhão de doses do método de imunização estejam disponíveis até setembro. A vacina ChAdOx é uma combinação de proteínas do novo coronavírus com uma versão enfraquecida do vírus do resfriado comum.

Cerca de 1,1 mil voluntários participam dos testes de imunização do grupo de Oxford. A pesquisa está em fase de análise para saber quantos foram infectados pelo novo coronavírus e como o corpo deles reagiu à ameaça viral. Os pesquisadores querem cumprir essa etapa até agosto, apresentando os primeiros resultados.

Os cientistas também fizeram o teste de imunização com um grupo de seis macacos e viram resultados animadores com a aplicação de apenas uma dose da vacina. Todos eles desenvolveram anticorpos que agem contra a Covid-19 em até 28 dias, alguns deles, logo nos primeiros 14 dias.

A vacina evitou que o vírus provocasse danos nos pulmões dos animais expostos à doença ou que se replicassem. (Com informações do Estadão)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS