23 de Agosto de 2019,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 13h:11 | Atualizado:

Operação Lei Seca começa neste fim de semana

Com o objetivo de conscientizar a população sobre o perigo da junção alcool e direção, é que a Secretaria de Segurança Pública, em parceria com órgãos municipais, estaduais e federais, lançou, nesta quinta-feira (20.02), a operação Lei Seca.

Conforme a comandante do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, major Graziele Bugalho, as blitezes terão início neste fim de semana em diversos pontos de Cuiabá e Várzea Grande, com apoio da Guarda Municipal. “Vamos atuar em duas frentes: educação, que será de responsabilidade do Detran, e as nossas blitezes focadas na Lei seca. A intenção é provocar essa conscientização do motorista para que quando comece as festividades do Carnaval as pessoas mudem seus comportamentos", destacou a comandante.

Major Graziele lembrou ainda que esse trabalho deve se estender ao longo do ano. “O objetivo não é notificar ou prender pessoas, mas sim, salvar vidas. Fazer com que elas tenham consciência de que a partir do momento em que se ingere bebida alcoólica sua reação é menor, e a possibilidade de ocasionar um acidente é muito grande, colocando em risco a sua vida e de outras pessoas”, completou.

O superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Arthur Nogueira, disse que a PRF estará com 15 policiais, viaturas e motocicletas para apoiar a operação. “Contaremos também com ônibus multimissão, que contem uma cela para comportar pessoas que por ventura forem flagradas em estado de embriagues”, falou.

Nogueira enfatizou ainda a integração com o município e o estado na troca de experiências de anos de fiscalização que a PRF realiza nas rodovias federais. “Queremos conscientizar o cidadão de que a lei do Código de Trânsito Brasileiro vale em todo território nacional, e não apenas nas rodovias federais como muitos condutores pensam”. 

De acordo com a coordenadora de educação para o trânsito do Detran, Haveny Taques, a instituição estará realizando a parte educativa com a sensibilização da população em bares, shows e locais com grande fluxo de pessoas.

O secretário-adjunto de Políticas, Programas e Projetos da Sesp, Marcos Roberto Hubner, destacou que a ideia é potencializar e aprimorar as operações de fiscalização da Lei Seca, com grandes sequências de ações integradas com órgãos municipais, estaduais e federais para que se consiga obter um resultado mais eficaz. “Precisamos que a população mato-grossense tenha realmente a consciência da mudança necessária para se preservar a vida”, disse.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS