Política Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h:06 | Atualizado:

Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h:06 | Atualizado:

CAIU ATIRANDO

Geller culpa Fávaro por "leilão suspeito" e não aceita ser "bode expiatório"

Ex-secretário tenta trazer o ministro Carlos Fávaro para o olho do furacão

BRENDA CLOSS
Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

neri e favaro.jpg

 

O agora ex-secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, negou que tenha favorecido seu ex-assessor parlamentar e sócio de Marcello Geller, filho dele, no leilão de arroz que foi anulado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nesta semana. Além disso, em entrevista à BandNews, nesta quarta-feira (12), o ex-deputado federal demonstrou que a relação com o ministro Carlos Fávaro não é das melhores dentro da Pasta. 

"Volto a frisar, o Robson estava no meu gabinete até quatro anos atrás, não posso tolir ele de tocar a vida dele, não tenho grau de parentesco com ele. Ele está exercendo a corretagem no mercado desde o ano passado. Ele passou de 10, 25 leilões no ano passado. Aqueles valiam e não valem mais? Conversei com ele e fiquei chateado porque tenho uma história de 30 anos de trabalho no setor agropecuário. Isso não será jogado no lixo", declarou. 

Geller teve sua demissão assinada e oficializada pelo ministro Rui Costa, da Casa Civil, hoje e ocorre após o 'escândalo do arroz', envolvendo processo de anulação do leilão de arroz, que na semana passada, visando conter uma eventual alta de preços ou desabastecimento do item, o governo federal promoveu a compra de 263 mil toneladas do alimento em um leilão promovido pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Ele afirmou que não será usado de 'boi piranha' ou 'bode expiatório' por ninguém e cobrou investigações da Polícia Federal no caso.

"Esse edital foi politizado e eu não vou aceitar ser usado como bode expiatório. Que a Polícia Federal e a Justiça averiguem se tem qualquer irregularidade", disparou Neri Geller. O ex-secretário explicou ainda como funciona o leilão.

Segundo ele, primeiro a corretora participa do representando as empresas, depois tem cinco 5 dias para apresentarem as documentações e fazerem o depósito de 5% do montante da operação para que haja a habilitação. Em seguida, caso apresente a porcentagem, haverá um prazo de 90 dias para fazer a operação, ou seja, ir no mercado externo, avisar a Conab, que fará a certificação do produto.

"Alguém faz um depósito de 5% sem ter condições de operacionalizar? Vamos dizer que não foi apresentado os 5%, automaticamente ele é desclassificado. Se apresentou os 5% tem 90 dias para fazer a operação, que é ir no mercado lá fora, avisa a Conab, que faz a certificação, o produto é importado, chega no armazém indicado pela Conad, averigua-se e só depois é feito o pagamento. Eu não sei como pode ser politizado um tema assim. Somos o maior produtor do mundo e super organizados com isso", garantiu.  

RELAÇÕES ESTREMECIDAS

De saída, Geller ainda afirmou que possui um respeito muito grande pelo presidente Lula e aliados mais próximos como a presidente do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann, o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimeneto Econômico e Social (BNDES), Aloizio Mercadante, o vice-presidente Geraldo Alckmin, mas não mencionou seu ex-chefe, Carlos Fávaro. "O tempo vai esclarecer. Já falei que tenho um respeito grande pelo Governo. Desde o começo disse que esse leilão era um equívoco, a Esplanada sabe disso, mas sigo hierarquia, não sou o culpado. Tenho uma relação extraordinária com a Frente Parlamentar Agropecuária e o Governo precisa corrigir rumos de articulações políticas. Lula é inteligente e perspicaz e fará isso", alfinetou Geller. 

Por fim, disse que está feliz com sua passagem pelo Ministério, afirmou ter feito muitas ações importantes, inclusive nessa reta final da elaboração do Plano Safra. Ponderou que não poderia sair 'atirando' contra Fávaro por questões éticas e morais, mas o aconselhou a ouvir mais sua equipe técnica e seus 'subordinados'. 

"Saio com a cabeça erguida, com a confiança do setor e a certeza de que o presidente Lula irá continuar fazendo um bom trabalho de viabilizar quem produz. Precisamos pacificar o país para deixar no passado essas crises, precisamos gerar emprego e renda. Não posso sair atirando no Fávaro até por ética e respeito ao cargo que ele exerce, mas que a relação com o Congresso Nacional com a Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) precisam melhorar isso é fato. Não vou me ater a isso de queda, não torço por isso, quero que ele dialogue mais, pacifique, confie no andar de baixo de sua equipe técnica", recomendou. 





Postar um novo comentário





Comentários (20)

  • Senadinho

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 21h00
  • Isso está me cheirando traição, puxaram o tapete do Gargamel. O CARIMBADO TRAÍDOR CARLOS FAVARO aprontou mais uma das suas. Más Gargamel n vai deixar barato vai puxar o Favaro p/ fundo do poço com ele! Esse arroz carnaval saiu caro p/ essa turma más foi bom p/ MT em uma cachorrada só, vão rodar NERI GELLER (que já rodou), Carlos Favaro, Iraja Lacerda e Margareth Buzetti. Pena que o tal do Favaro ainda vai continuar no Senado decepcionando nosso Estado de Mato Grosso.
    1
    0



  • Analista Político

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 18h50
  • Ja vi gente burra, ma esses dois estao de parabens kkkkkkkkkk. O cara quer meter a mão em algo que todo mundo na midia ta falando. Vai ser burro na casa do caralho, ta achando que esta na sua cidadezinha.
    1
    0



  • Dyno

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 18h44
  • Enquanto isso o godo pira no zap.
    1
    0



  • alexandre

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 17h54
  • tinha que vazar os 3, e quem mandou comprar...
    1
    0



  • Opinião pessoal e sincera

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 14h31
  • Vai gargamel, faz a meLda chegar até o papai LuLe.
    9
    1



  • davi

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 14h18
  • Tinha que vaza os dois
    10
    0



  • Carmolino

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 13h08
  • SÓ GENTE FINA.
    14
    2



  • Saulo

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 12h15
  • Tá certo Neri, tem peixe graúdo nesse imbróglio não assuma a culpa sozinho, de nome aos bois, instalada a CPI do arroz vc vai ser chamado, conte tudo, não esconda nada. Fale, caso contrário vc morreu politicamente e moralmente também.
    16
    2



  • Rodolfo

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 12h09
  • Ora ora, quem diria que recolocar essa turma no poder ia dar nisso heim?! Que "surpresa"! kkkk Falta de aviso não foi.
    20
    3



  • Mel

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 12h07
  • Isso chama política!!! Um querendo derrubar o outro !!! Igual qdo tem eleições sai um ruim entra outro péssimo
    13
    1



  • OBSERVADOR

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h54
  • AGORA É ASSIM UM JOGANDO A CULPA NO OUTRO KKKKK TUDO VAGABUNDO!! EMPRESA DO SÓCIO DO FILHO, QUE FARIA O LEILÃO ,,, SÓ TEM ESQUEMA NA POLITICA !! CULPA DO LULA !!!
    20
    2



  • Douglas Andrade

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h50
  • A questão senhor é que fere a ética da coisa toda, a famosa informação privilegiada que possa ter ocorrido ou não pelo senhor, seu ex-sócio e que é atual sócio de seu filho. O correto seria a empresa não participar por este simples fato e o correto seria um impedimento ou uma suspeição no termo ético da coisa mesmo que não seja proibido por lei. Desta forma a seu nome não seria "jogado no lixo" como disse. Mas a PF vai fazer o trabalho e provar que tudo passou por engano igual o senhor disse, ou não.
    14
    0



  • Robson Oliveira

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h47
  • O Diretor da CONAB que é responsável pela elaboração do edital não foi assessor do Fávaro na Câmara Federal e sim do Nri. Simples assim.
    14
    1



  • Alô PF

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h13
  • Alô PF e MPF?
    15
    1



  • FAZ O L!!!!!!

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h06
  • Lula já podia aproveitar e demitir estes 2 traidores do povo.
    14
    3



  • OH OH

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 11h04
  • POLITICAGEM E UMA COISA MUITO BONITA NE. O CARO TA LOUCO PARA APERTAR O PESCOÇO DO OUTRO E TEM QUE DAR BEIJINHOS PARA FICAR NA BOA.
    12
    1



  • Antonio

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h49
  • ESTE LEILÃO DO ARROZ ESTA IGUAL A NOVELA DA GLOBO NÃO ACABA NUNCA O CERTO E ENCERRAR DE VEZ DO GOVERNO QUERER COMPRAR ARROZ DE FORA , SE O QUE TEM AQUI DA PARA NOS SUSTENTAR PARA QUER COMPRAR ARROZ DE FORA VAMOS ESPERAR E VER SE O ESTOQUE QUE TEMOS DA
    11
    2



  • colibri

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h39
  • Sao todos farinha do mesmo saco, corruptos
    11
    1



  • alexandre

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h36
  • Vai cair os dois.., isso nao vai chegar em quem mandou fazer o leilão ?
    15
    1



  • Jony

    Quarta-Feira, 12 de Junho de 2024, 10h29
  • Esses dois se merecem e o governo do PT é isso aí.
    13
    2









Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet