25 de Maio de 2020,

Política

A | A

Terça-Feira, 31 de Março de 2020, 15h:56 | Atualizado:

“Prefeito permanece numa visão individualista”, afirma Delegado Claudinei

Durante reunião virtual da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa segunda-feira (30), o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) chamou a atenção sobre a situação da saúde pública em Rondonópolis e afirmou que o prefeito do município, José Carlos do Pátio, precisa estar aberto a parcerias junto aos governos Estadual e Federal, no enfrentamento da pandemia mundial do coronavírus. No município, até o momento, três casos de Covid-19 foram confirmados e outros casos suspeitos são investigados. 

“O prefeito (Pátio) permanece naquela visão individualista. Ele não conversa com o governo Estadual e nem Federal, através do Ministério da Saúde. Ele conseguiu uma autorização da Câmara de Vereadores para adquirir um imóvel na Avenida Lions Internacional em Rondonópolis, onde funcionava um antigo hotel. Imóvel bem velho, sem estrutura nenhuma e que agora a gente não sabe se ele vai demolir ou construir um novo hospital ou se vai adequá-lo”, afirmou Delegado Claudinei.

A preocupação do parlamentar e se esse novo hospital municipal ficará pronto a tempo de atender os pacientes com a Covid-19 e sugere parceria com a Santa Casa de Rondonópolis. “A gente não sabe se esse hospital estará pronto em poucos dias ou até final do ano e se vai chegar a atender paciente dessa pandemia. Acho que o prefeito poderia abraçar a causa da Santa Casa e firmar uma parceria na construção de 50 leitos de enfermarias. Aí sim seria uma obra mais rápida e até com menos recursos”, sugeriu o deputado. 

Na oportunidade, Claudinei apresentou um memorando à Comissão de Saúde de sua autoria, juntamente em anexo o ofício 109/20 da direção da Santa Casa de Rondonópolis, com informações da unidade hospitalar e pedido de apoio dos deputados estaduais. Lembrou que em Rondonópolis existem três casos de Covid-19 confirmados, mas, felizmente, nenhum caso grave que necessitasse de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Atualmente, caso seja necessário a Santa Casa possui 10 leitos de UTI e mais 10 leitos de enfermaria para atender pacientes com Covid-19.

“A Santa Casa de Rondonópolis possui 246 leitos ativos e é referência na região Sul e Sudeste. No momento, precisa terminar a reforma no sexto andar, onde comportaria, no mínimo, 50 leitos, que poderiam ser destinados aos pacientes com Covid-19. O hospital precisa que o Governo do Estado atualize o valor que está atrasado na ordem de R$ 1,4 milhão e pede o apoio dos deputados estaduais. Além dessa estrutura, vai precisar de equipamentos de diagnóstico avançados, com suporte a vida, como os ventiladores mecânicos”, comentou Claudinei durante a sessão da Comissão de Saúde. 

O deputado ressaltou ainda que o Hospital Regional de Rondonópolis, vinculado ao Governo do Estado de Mato Grosso, já apresentava déficit não só de UTI como de leitos de enfermaria para atender acidentados e casos graves. “E nos próximos dias, dependendo do que acontecer, se aparecer mais casos de Covid-19, e nesses outros 18 municípios dependendo do Sistema Único de Saúde (SUS), do Hospital Regional, teremos dificuldade com relação a leitos de internação”, concluiu Claudinei.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS