10 de Agosto de 2020,

Polícia

A | A

Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 15h:30 | Atualizado:

MATA-LEÃO

Pai aplicou golpe de MMA para matar filho de 5 anos em MT

davi-jonas.jpg

 

A Polícia Judiciária Civil de Sinop (500km ao Norte) lavrou prisão em flagrante por homicídio qualificado contra o pai do menino Davi Santos Vasconcelos, 05, morto no final da tarde de domingo (04). Em depoimento na delegacia, o suspeito Jonas Pereira, 30, confessou o crime.

De acordo com o delegado de polícia que preside as investigações, Carlos Eduardo Muniz dos Santos, o pai da criança afirmou ter praticado o homicídio sob efeito de drogas. “O investigado declarou que estava usando pasta base de cocaína desde sexta-feira (02). Disse que estava entorpecido pela droga quando atacou o filho, no momento em que a criança entrou na casa, após um período brincando na parte externa da residência”.

Ainda de acordo com o depoimento do suspeito, ele teria agarrado o menino por trás, apertado com bastante força o pescoço da criança (praticando esganadura ou estrangulamento) - no estilo "mata-leão"- e lançado o filho ao chão, vindo este a cair com o rosto ao solo.

As reais causas das lesões e do óbito da criança serão apresentados posteriormente em laudo emitido pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), de Sinop. Informações preliminares apontam que no corpo do menino existem outras marcas, além do estrangulamento, sugerindo que a criança também teria sido espancada pelo pai - informação omitida pelo suspeito em seu depoimento.

O caso segue em investigação pela Polícia Judiciária Civil. Demais diligências serão realizadas no transcorrer do Inquérito Policial.

O caso

A criança deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Menino Jesus, acompanhada pelo pai e por uma vizinha, com lesões provenientes de agressões físicas. A mãe do menino estaria trabalhando no momento do crime.

A Polícia Militar foi acionada e realizou a prisão do suspeito.

Jonas foi encaminhado para a Polícia Judiciária Civil que lavrou o auto de prisão em flagrante do investigado pelo homicídio doloso contra o filho.

O autuado será apresentado em Audiência de Custódia nesta segunda-feira (05), ficando à disposição do Judiciário.



Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Tião Bananeiro | Terça-Feira, 06 de Fevereiro de 2018, 07h58
    0
    0

    Esse merece ser SUICÍDADO na cadeia..

  • Gilmar | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 22h33
    4
    0

    Agora a culpa é da droga, pode ser, mas a índole assassina também ajuda a chegar a esse crime brutal

  • olhos abertos | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 22h07
    4
    0

    Essa praga é o capeta no meio de nós.....precisa matar esse demônio ruim....fara maldades a outras crianças se sair da prisão......aplica uma injeção de mata leão nesse capeta.

  • Yann | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 18h14
    4
    0

    Título lamentável, que apenas denigre um esporte que nada teve a ver com a morte da criança.

  • Nilson | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 17h07
    24
    1

    Peço para o caro jornalista rever o titulo da matéria. Não ha motivo para colocar o jiu jitsu nesse titulo. Da uma conotação estranha e prejudica muito quem trabalha sério e salva vidas atraves do esporte. A causa foi a droga, o desequilibrio, a falta de amor próprio. O jiu jitsu q eu conheço a ha quase 20 anos é instrumento de transformaçao de pessoas e não destruição. Me doeu muito a noticia em sí e ver um titulo infeliz desses nesse momento é muito ruim.

  • AMIGOS salve salve | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 16h36
    16
    1

    ???? A cadeia AMIGOS IRMÃO do FERRUGEM salve, salve VC devera esta ESPERANDO UMA reciproca DE UNS 7 DIAS dia e noite AMARGA pra ele LEMBRAR que isso não se JUSTIFICA A DROGA pra maltratar uma CRIANÇA ECA eles VÃO APLICAR + doido

  • America | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 16h32
    10
    0

    peba de morte já. ..PAÍS SEM LEIS. ..

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS