Política Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 08h:42 | Atualizado:

Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 08h:42 | Atualizado:

CALAMIDADE FINANCEIRA

Deputado acusa Governo de "potencializar" a crise em MT

Para Lúdio Cabral, decreto de calamidade financeira é só "propaganda" do Executivo Estadual

TARLEY CARVALHO
Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

ludiocabral.jpg

 

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) avaliou o decreto de calamidade financeira, de autoria do governador Mauro Mendes (DEM), como mais uma propaganda do chefe do Executivo. Para o parlamentar, apesar de uma dificuldade financeira pela qual o Estado passa, a crise econômica não existe, uma vez que Mendes se recusa, por exemplo, a enfrentar a renúncia e isenção fiscal concedido a grandes empresas em Mato Grosso.

As falas de Lúdio foram feitas em entrevista ao jornal do Meio Dia, da TV Vila Real, afiliada à Record, nesta terça-feira (30). “Na minha leitura é muito mais uma peça de propaganda do atual governador para potencializar a tal crise, as dificuldades financeiras que o Estado tem e concentrar os esforços no caminho que ele entendeu”, afirmou o deputado.

Em suas críticas, Lúdio afirmou que, caso a crise fosse verdadeira, o governador tiraria os efeitos dos decretos que concederam isenção fiscal, que faz com que os cofres públicos deixem de arrecadar cerca de R$ 3,4 bilhões. A crítica de Lúdio também é de que tais políticas beneficiam poucos empresários milionários.

“Talvez seja por isso que falta recursos na saúde, educação e segurança. O que tem de previsão de renúncia, de isenção de imposto é mais que todo o orçamento da educação, mais que todo o orçamento da saúde, mais que todo o orçamento da segurança”, criticou.

Para justificar sua análise, o petista descreve que o Governo espera uma redução de R$ 250 milhões em 2019, com a contenção de gastos, enquanto o déficit é de R$ 1,7 bilhão e a renúncia de R$ 3,4 bilhões. Portanto, muito mais sentido, defendeu, enfrentar o problema da isenção fiscal.





Postar um novo comentário





Comentários (5)

  • Francisco Santo

    Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 10h17
  • Esse sujeito nem deveria ter espaço na mídia, visto o estrago estrondoso que sua corja política deixou o país. Quase todos envolvidos na justiça e essa imprensa ainda dá espaço para isso ? Sua opinião é inócua, desprezível.
    2
    3



  • Carl?o Ferreira

    Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 10h04
  • Ver petralhas falando isso é risível, .... ninguém faz mais "rolos" com o erário que esses e et caterva.
    1
    4



  • Indignado.

    Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 09h59
  • Infelizmente um deputado só para cobrar esse governador que mente descaradamente e que é benevolente com alguns empresários milionários se todos os deputados agissem para mudar isso o povo de MT teria uma vida muito melhor
    6
    1



  • +Rog?rio

    Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 09h48
  • Porque não te calas petista e paga os restos de sua campanha ao governo.
    2
    3



  • F?

    Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019, 09h20
  • Essa crise financeira é invenção do secretário Gallo. Ela tem nome: GALINÁCEA.
    6
    1









Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet