22 de Setembro de 2019,

Política

A | A

Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h:25 | Atualizado:

PLANO CUMPRIDO

Mauro quita 44% das dívidas e pede fim da recuperação empresarial

Grupo de prefeito emprega cerca de três mil pessoas

mauro-pedra5.jpg

 

Após cumprir os pagamentos com seus credores, o Grupo Bipar, que pertence ao candidato a governador, Mauro Mendes (DEM), requisitou o encerramento da recuperação judicial. O requerimento foi protocolado no dia 3 de setembro.

O pedido aguarda a decisão da juíza Anglisey Oliveira, da 1ª Vara Cível de Cuiabá. “A recuperação judicial começou há três anos e o plano foi homologado há cerca de dois anos. Nesse período, a minha empresa pagou contas e quitou fornecedores. Agora em setembro, que completamos dois anos da medida, já poderemos sair da recuperação judicial. Conseguimos dar a volta por cima, graças a Deus e graças a muito trabalho feito pela nossa equipe. Trabalhamos muito e conseguimos nos recuperar”, declarou Mauro em entrevista ao programa MTTV 1ª edição da TV Centro América, afiliada da Rede Globo em Mato Grosso. 

A recuperação judicial do Grupo Bimetal foi autorizada em 2015, ocasião em que as empresas acumulavam cerca de R$ 126 milhões em dívidas, mas o plano para a repactuação dos débitos foi homologado em 2016. Mauro Mendes explicou que a recuperação judicial não significa “quebra” ou “falência”, mas tão somente um instrumento garantido em lei para proteger a função social das empresas e, principalmente, o emprego dos trabalhadores.

O empresário registrou que o Grupo Bipar está há mais de 25 anos no mercado, emprega mais de três mil funcionários e sempre teve êxito nas finanças. No pedido à Justiça, o grupo Bipar relatou que há dois anos vem cumprindo rigorosamente com o pagamento das dívidas previstas no acordo.

Até o momento, 44% dos débitos já foram quitados. Consta no requerimento que, de acordo com a legislação, quando a empresa cumpre as obrigações que venceram em até dois anos, passa a ter direito de sair da recuperação judicial. “Frente ao exposto, é de ser judicialmente reconhecido que o plano de recuperação judicial foi cumprido no que diz respeito às obrigações exigíveis vencidas no prazo de dois anos da concessão da recuperação judicial, nos termos do artigo 61 da Lei 11.101/2005, e, com base no artigo 63 da referida lei, decretado o encerramento da recuperação judicial das empresas do Grupo Bipar”, diz trecho do pedido.

A crise na saúde financeira do grupo começou em 2014. Naquele ano, as empresas tinham uma expectativa de faturamento de R$ 440 milhões, em razão de grandes contratos em Mato Grosso, Rondônia, Acre e Piauí.

Porém, tal cifra não foi atingida por vários fatores, entre eles a demora para receber um aditivo de R$ 55 milhões junto à empresa Matrinchã Transmissora de Energia, que só foi pago em dezembro do ano seguinte. Mas o fator crucial, segundo Mauro Mendes, foi a deflagração da "Operação Ararath", em que ele foi alvo de busca e apreensão.

Três anos depois, a Justiça Federal arquivou o procedimento por falta absoluta de provas de qualquer irregularidade, arquivamento ocorrido a pedido da Polícia Federal e do próprio Ministério Público Federal. “Quinze dias depois da operação, todos os bancos cortaram o crédito de todas as minhas empresas. Nós estávamos comprando máquinas, comprando equipamentos, iniciando obras, fazendo uma série de investimentos. Tínhamos garantido o crédito bancário, mas perdemos o crédito por conta disso. E aí ficamos em uma dificuldade muito grande, justamente no momento em que esse crédito deveria ser ampliado, para fazer frente ao crescimento da demanda”, lamenta Mauro.

Por conta da perda do crédito e do comprometimento dos cronogramas de obras e entregas, o grupo acabou por faturar R$ 321,7 milhões dos R$ 440 milhões previstos, fechando o ano com prejuízo contábil e financeiro. “Assim, em 2015, entramos com um pedido de recuperação judicial, que é um instrumento previsto em lei para que você possa fazer uma repactuação com os bancos e seus fornecedores sobre a dívida que você tem”, relatou.

Mauro Mendes contou que nos últimos dois anos o grupo tem cumprido o plano e pagado em dia o acordo combinado com os credores, motivo pelo qual já não se fará mais necessária a recuperação judicial. “O grupo se reergueu, continua contribuindo para o fortalecimento da economia local e vem fazendo o mais importante, que é garantir as centenas de empregos dos trabalhadores que tanto contribuem para a retomada do crescimento das empresas”, afirmou.

Postar um novo comentário

Comentários (42)

  • Rauane | Segunda-Feira, 17 de Setembro de 2018, 18h33
    1
    0

    Agora a oposição não tem mais do que reclamar! Hahahhaha boa Mauro parabéns

  • Sabrina Garcia | Quarta-Feira, 12 de Setembro de 2018, 10h47
    2
    0

    Agora não tem mais desculpas mais uma vez mostrou sua competência! É Mauro #25

  • Eduardo Assumpção | Quarta-Feira, 12 de Setembro de 2018, 08h34
    2
    1

    Cada vez mais mostrando a competencia de um excelente gestor! Eu vou com Mauro Mendes, e vocês? #aonda25

  • Eduardo Assumpção | Quarta-Feira, 12 de Setembro de 2018, 08h33
    1
    1

    Cada vez mais mostrando a competencia de um excelente gestor! Eu vou com Mauro Mendes, e vocês? #aonda25

  • Eduardo Assumpção | Quarta-Feira, 12 de Setembro de 2018, 08h32
    2
    1

    Cada vez mais mostrando a competencia de um excelente gestor! Eu vou com Mauro Mendes, e vocês? #aonda25

  • Lucas | Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, 13h23
    1
    1

    Isso que eu chamo de bom gestor! Com certeza tem o meu apoio e da minha família! Parabéns pelo sucesso, Mauro! MT quer mudança e temos a certeza de que com você essa MUDANÇA PROGRESSIVA vai acontecer!

  • Lucas | Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, 13h14
    1
    1

    Chupa hatter's! Agora é Mauro! É 25 pra mudar!

  • Amanda | Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, 11h29
    1
    1

    Cada dia que passa se mostrando o mais competente para governar o nosso estado!!

  • Antônio Mário Umalia Tacoo | Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, 05h52
    1
    0

    Porque a justiça não faz Mauro Mendes pagar os funcionários que ele deve deu calote que trabalhou em condições bem ruim

  • Karol | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 23h40
    1
    1

    Esse é meu candidato, competência é o sobre nome dele.

  • Eduardo | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 23h21
    1
    1

    Atitudes como essa, nos mostra a seriedade e competência que Mauro Mendes possui para gerir nosso estado! #25

  • Rauane | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h38
    0
    1

    Provou que é um ótimo gestor, parabéns Mauro!

  • Samek | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h20
    1
    1

    Mauro melhor opção de considero confio totalmente nele.

  • Agnes | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h16
    1
    1

    Quero ver agora falar sobre esse assunto que vou mostrar essa matéria! Parabéns Mauro que conseguiu se reerguer e isso mostra competência e que sabe pegar algo que está no fundo do poço e reerguer! Estamos com você 👊🏻

  • Carolina | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h15
    1
    1

    Ótimo feito de Mauro Mendes como tantos outros quando prefeito de Cuiabá!!

  • raul lazaro dos santos Junior | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h14
    1
    1

    Vamos para cima mauro Mendes vc é o meu governador

  • Thay | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h08
    1
    1

    A excelência na Gestão é aquela inspirada pelo engajamento e guiada pelo conhecimento. #Onda25#JuventudetaMMojunto

  • Patrick Vieira | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 18h01
    1
    1

    Depois de triplica a divida do estado, nao vai ser fácil

  • raul lazaro dos santos Junior | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 17h50
    0
    1

    Tamo junto mauro Mendes a vitória é sua 25 neles

  • thay | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 17h49
    0
    0

    Agora não tem mais desculpas! É Mauro #25

  • Alícia | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 17h07
    0
    1

    Mauro soube gerir sua empresa para cumprir o que foi exigido e pagar boa parte do que estava devendo. Mais um exemplo de que sabe o que fazer frente ao governo do nosso estado!!

  • Ygor avelino | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 17h06
    0
    1

    Um homem cheio de ideias para mudar Mato Grosso, por isso confio em você Mauro. MM25

  • Ana Beatriz | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 16h55
    0
    1

    MEU GOVERNADOR!!! É Mauro Mendes 25

  • Arthur Henrique Meier | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 16h44
    0
    2

    Mauro Mendes sabe gerir, e o faz com excelência! Será um grande governador!

  • Arthur Henrique Meier | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 16h44
    0
    2

    Mauro Mendes sabe gerir, e o faz com excelência! Será um grande governador!

  • Eleitor2018 | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 16h14
    2
    0

    LI MUITOS COMENTÁRIOS COM FUNDAMENTO ... COMO APARECEU ESSE DINHEIRO NO ANO ELEITORAL, ELE DEIXANDO PARA ACEITAR O PLEITO DE ÚLTIMA HORA, O ACORDO DA RECUP DA SUA EMPRESA FOI FECHADO ANTES DA ELEIÇÃO 07/10, ESSE DINHEIRO NÃO FOI EMPRESTADO POR ALGUÉM MUITO RICO DO SEU LADO ? ONDE O MESMO NÃO SE PREOCUPOU EM EMPRESTAR, SABENDO QUE PELA AVALIAÇÃO DO CANDIDATO HAVERIA MAIS DE 80% DE RECEBER DE VOLTA, POIS OS COFRES DE MT ESTARIA NAS SUAS MÃOS...BEM COMO SABEMOS, O AGRO TA MAIS Q INTERESSADO E SABEMOS Q O INVESTIMENTO É ALTO, MAS O RETORNO PODE SER MAIOR AINDA. FIQUEM DE OLHO E ANALISEM ESSAS COLIGAÇÕES.

  • Luciano Ishizuka | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 15h36
    1
    6

    Só se começa por um começo não é? #MauroMendes meu candidato a governador #tMMj25

  • Acerto Miseravi | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 14h37
    6
    2

    Agora uma continha básica. Tenho (pessoa física) um patrimônio declarado de R$ 113,4 milhões à Justiça eleitoral. Enquanto possuo um grupo de empresas (pessoa jurídica) que estão em RJ (recuperação judicial) ocasião em que acumulam cerca de R$ 126 milhões em dívidas. Como isso é possível? Não existe projeto "povo" coisíssima nenhuma, o que tem são INTERESSES de classes. Vide: interesse dos servidores em receber suas benesses RGA,/ interesse do agronegócio "a menina dos olhos" dos poderosos de Mato Grosso na manutenção e aumento de suas riquezas, cujo o retorno para a população é ínfima (vide: Carlos Fávaro, Adilton Sachetti, Otaviano Pivetta, Blairro Maggi, etc..) / interesse dos empresários "falidos" em recuperar seu negócios (vide: Mauro Mendes, Fábio Garcia, etc...) / interesses da velha política em continuar no poder e assim ajudar ainda mais o necessitados. Sim, porque não é possível alguém que é milionário se abdicar da família, amigos e saúde, ser malvisto e ainda receber um salário irrelevante 🤣 sqñ (vide: Carlos Bezerra, Jayme Campos, Valtenir Pereira, etc...).

  • Cidadão Matogrossense | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 14h24
    6
    5

    Deuszulivre!!! SENHOR, tenha misericórdia e compaixão do povo ORDEIRO MATOGROSSENSE e livra-os dessa RAÇA INFAME!!!

  • Jorge | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 13h27
    6
    10

    TAMO JUNTO MEU GOVERNADOR!!

  • Diretoria da Ucamb | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 13h20
    11
    5

    É admirável o cinismo do candidato ao governo Mauro Mendes, nos quatro anos em que foi prefeito de Cuiabá nunca deu valor ao movimento comunitário, ou para ser mais claro, os presidentes de bairros nunca foram atendidos em seu esplendoroso gabinete. Afinal, como dizia seu secretário de obras, Marcelo Oliveira, “presidente de bairro para ser atendido tinha que ter diploma e esses que representam a população de Cuiabá eram um bando de vagabundo”. Agora em época de campanha, cujo o ex-secretário Marcelo é coordenador, Mauro quer se passar de “bom moço” e se reunir com as associações: Ucamb, Femab, Ucam, Clube das Mães, Clube dos Idosos e Conselho de Segurança. A pergunta que não quer calar é: por que temos importância agora? Por que nunca tivemos antes? Mauro chegou a criar a Secretaria Adjunta de Relações Comunitárias, mas nunca nenhum líder comunitário foi nomeado nela. Os responsáveis pela pasta eram os senhores Beto Correia e Júnior Cuiabano, que nem de longe conhecem a realidade e as necessidades da nossa população mais carente. Quero dizer ao candidato Mauro que agora é tarde, que não acreditamos mais no senhor e que não vamos cair novamente nesse papo furado.

  • Durval Breda | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h50
    14
    12

    Os 56% que ainda existe de dívidas, são referentes a 812 pais de família que ele deu o calote

  • Pâmela Cristina | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h39
    10
    13

    É Mauro Mendes 25, tomujunto.

  • Eler | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h23
    12
    8

    Pivetta emprestou kkkkkkkk

  • alexandre | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h20
    2
    9

    e o governo, quando sai da crise ?

  • Rauane | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h10
    11
    9

    Habana chupaaaaaa, parabéns Mauro, melhor gestor impossível!

  • Raimundo | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 12h01
    10
    8

    De 44 para 100 faltam 56%, tá certo. Isso é quitar todas as dívidas? Que piada....

  • RUBENS | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h53
    12
    9

    A COPETENCIA ESTÁ AI... MEU GOVERNADOR...

  • eleitor atento | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h49
    11
    7

    Se 100.000.000, representa 44por cento ainda falta 150.000.000 - Peço a Deus que os funcionários sejam prioritarios, quantas familias em dificuldades, a politica faz milagres.Vamos em frente.

  • Zé do povo | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h49
    10
    8

    Piada uma hora dessa, de onde arrumou dinheiro pra pagar isso de uma hora pra outra ?? nesse caroço tem angu. MPE tem que investigar quem esta fazendo isso. estão desesperado pelo poder. estão vendendo a alma para o cão. derramando dinheiro em Cuiabá em MT. Essa turma esta com sede. faz horas que não toma o leitinho do Governo. Quem vai pagar essa conta do Grupo do MM, Com toda certeza será o povo de Mato Grosso. Carlos Bezerra comandando a Infraestrutura. Pivetta na Sema. Teté Bezerra no TCE . e o FAIAD, eterno como desembargador. isso é uma vergonha. não podemos essa turma do SILVAL, voltar. Votem no Wellington, mais não no Mendes. pelo amor de DEUS

  • Eleitora Cuiabana | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h44
    15
    10

    Bem no período eleitoral, no minimo estranho.

  • Eder | Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018, 11h40
    12
    9

    Estranho né! Então se assumir o governo do estado vai voltar a quebrar de novo? Eu acho que alguém deve ter emprestado dinheiro pra ele! Melhor acho que o pivetta deve ter emprestado esse dinheiro para não ficar com a imagem de mal pagador!

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS