03 de Julho de 2020,

Política

A | A

Terça-Feira, 18 de Março de 2014, 19h:13 | Atualizado:

Secretário garante que professores voltam às aulas na sexta em VG

O secretário  de Educação (SME),  de Várzea Grande, Jonas S. da Silva esclarece que na reunião de mediação realizada na última sexta-feira (14.03), no Tribunal de Justiça de Mato Grosso - resultando num Termo de Mediação tendo como último ponto acordado o retorno imediato dos professores a sala de aula.

Diante dessa decisão que ficou acordada, a SME se comprometeu a não efetivar o corte de salário. “Essa decisão foi testemunhada pela mediadora e os representantes do Sindicato concordou com esse último item”, assegura o titular da pasta.

Para o secretário se foi acordado, se foi aceito de comum acordo, tem que ser cumprido. “Temos testemunhas desse acordo. Estamos cumprindo os pontos que foram acertados”, frisa. 

A SME enviou nesta terça-feira (18.03) uma cópia do PCCS para que a categoria analisar. A perda salarial do ano passado foi fixado em 7,79%.

Conforme o secretário, em relação ao Profuncionário que são os cursos de qualificação com direito a progressão funcional, será feito um levantamento do impacto financeiro. Esse trabalho estará pronto em 90 dias.

“Vamos também fazer o levantamento das licenças prêmios em todas as escolas e estabelecer, por meio de uma portaria, para que seja feita uma escala para que sejam usufruídas”, assinala.

Além disso, a SME deverá fazer um levantamento das perdas salariais de 2014, que serão pagas de forma parcelada.  

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS