06 de Dezembro de 2019,

Política

A | A

Terça-Feira, 11 de Março de 2014, 14h:28 | Atualizado:

CRISE NO ALENCASTRO

Sumiço dos R$ 200 mi da CAB pode levar PTB a romper com Mauro


Da Redação

mauro_galindo.jpg

 

A bancada do PTB reagiu nesta terça-feira às críticas que estão sendo feitas por vereadores da base do prefeito Mauro Mendes (PSB) a gestão do ex-prefeito Chico Galindo (PTB). O presidente da Câmara, vereador Júlio Pinheiro (PTB), chegou a convocar os demais parlamentares da legenda para reavaliar o apoio a gestão socialista na capital. “Quero marcar uma reunião com os vereadores Dilemário e Leonardo para reavaliar nossa posição em relação a atual gestão. Do que adianta estar na base e apanhar todo dia. Não podemos admitir isso”, disse Pinheiro.

A declaração ocorreu após o vereador Adilson Levante (PSB) questionar na tribuna da Câmara onde foram aplicados os cerca de R$ 200 milhões pagos pela CAB Cuiabá à prefeitura de Cuiabá na época da concessão dos serviços de água e esgoto. A falta desta informação fez o vereador socialista a se abster de votar as contas do último ano da gestão de Galindo na Câmara. 

Membro da bancada do PTB, o vereador Dilemário Alencar criticou Levante por conta do posicionamento. “O senhor não pode questionar algo sobre o qual não tem opinião. Não votou contra, nem a favor”, frisou. 

Alencar lembrou ainda que o Tribunal de Contas votou favorável as contas do ex-prefeito e que as Comissões da Câmara também indicaram a aprovação do balancete. Para amenizar a situação com os petebistas, o vereador Onofre Júnior (PSB) colocou que as críticas feitas a Galindo são uma posição pessoal de Adilson Levante. “Eu e o vereador Faissal, também do PSB,  votamos favoráveis as contas do ex-prefeito Chico Galindo. Contamos com o PTB no apoio a gestão do prefeito”, ponderou Onofre. 

Por fim, o líder do prefeito na Câmara, vereador Leonardo de Oliveira (PTB), acredita que as arestas entre os vereadores das duas legendas serão aparadas e o bom relacionamento com o executivo será mantido. 

 

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • EDIL | Terça-Feira, 11 de Março de 2014, 19h59
    0
    0

    foi gasto com placas, para indicar obras que nao foram feitas \"ajuda do ptb para a campanha do mauro mente nao lembram nao gente besta nao acaba so raleia voooti.

  • Manuela Carvalho | Terça-Feira, 11 de Março de 2014, 17h40
    0
    0

    CASA DE HORRORESS... SÓ TEM SANTO NESSA CAMARA!

  • marcos dial | Terça-Feira, 11 de Março de 2014, 14h55
    0
    0

    O vereador Júlio Pinheiro, desesperado por encobrir mais esse crime, cometeu um ato de deselegância e desrespeito com o vereador Levante, cortou sua fala no aparte e não permitiu que o vereador continuasse a falar. O outro Petebista defensor de Chico Galindo, Dilemário disse que o vereador Levante estava procurando pelo em ovos. Esse ovo tá é cabeludo.

  • Júlio Santos | Terça-Feira, 11 de Março de 2014, 14h51
    1
    0

    Mesmo q o vereador LEVANTE, por estar sendo patrolado, desista de procurar saber onde foi para os 200 milhões, a população tem que continuar atenta e exigir explicações, até porque, é muito dinheiro.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS