05 de Agosto de 2020,

Economia

A | A

Quarta-Feira, 24 de Junho de 2015, 14h:10 | Atualizado:

ANTT garante a Blairo viabilidade em concessionar pequenas rodovias

Durante sabatina na Comissão de Infraestrutura (CI) do Senado, nesta quarta-feira (24.06), o sabatinado para o cargo de diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Marcelo Prado, disse que as sugestões do senador Blairo Maggi, de fazer pequenas concessões privadas para manutenção de pequenos trechos de BRs, já começaram a surtir efeitos.

“Toda equipe técnica da ANTT entende que a proposta é factível. Entendemos que é um assunto que pode prosperar”, disse.

Blairo Maggi tem falado da importância de permitir que empresários locais possam ser concessionários. Os custos de administração das rodovias, de acordo com o parlamentar, seriam muito menores.

“Chamamos de PPP (Parceria Público Privada) caipira, que para manter a malha rodoviária desses trechos a manutenção possa ficar na mão dos empresários regionais. É claro que uma rodovia com baixo trânsito, com um faturamento não muito grande, dificilmente chamará atenção de grandes empresas. Por isso, os empresários locais poderão ficar cuidando dessas rodovias, porque moram ali, e os custos para administrar serão muito menores”, propôs o mato-grossense.

Mas, o parlamentar alerta para a importância de regras mais simplificadas. As concessões de rodovias costumam exigir a presença de guinchos e atendimento médico, por exemplo. As pequenas PPPs sugeridas por Blairo teriam como foco a segurança dos motoristas, a manutenção do asfalto e das placas, de forma a garantir a trafegabilidade da região.

“É melhor pagar o pedágio do que enfrentar a buraqueira. Faço o convite para verem in loco nossas rodovias. O ministro do Planejamento já se dispôs a nos acompanhar. Nossas rodovias, que foram concluídas há dez anos, e não têm esse modelo, já estão acabadas, nem existem mais. O Governo não conseguiu dar a manutenção. As outras, que são concessionadas estão uma maravilha, prova de que o modelo funciona”, realçou.

 



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS